O licenciamento de veículos é um documento importante

09/11/2017 licenciamento de veículos

Existem certos documentos de carros que são obrigatórios na nossa carteira — ou, pelo menos, no porta-luvas do veículo. O licenciamento de veículos, com certeza, é um deles. Sem esse comprovante, não podemos circular livremente pelas ruas e, em caso de parada policial, somos obrigados a entregar o automóvel. Sem mais nem menos.

Portanto, estar com o licenciamento em dia é fundamental para garantir não só a segurança do motorista, como, também, de terceiros que se utilizam da rua. Confira o post da Instacarro e saiba mais sobre o que é esse documento, como obtê-lo e quais as consequências de não possuí-lo!

O que é o licenciamento de veículos? Para que serve?

“O que é o licenciamento de veículos?”. A resposta dessa pergunta é mais simples do que parece: o certificado de registro e licenciamento de veículo (CRLV) é um procedimento obrigatório à todos os condutores, feito anualmente e que autoriza o carro a circular pelas vias. Com o documento, atesta-se que o automóvel encontra-se nos conformes das normas ambientais e de segurança para o setor automotivo.

No entanto, na prática, o licenciamento não garante 100% da integridade dos carros com relação às normas ditas. Isso porque, em quase todo o território nacional, a emissão do CRLV não está vinculada a um processo rigoroso de inspeção dos automóveis. Porém, documento é importante, pois é obrigatório que ele esteja sempre na posse do motorista.

No certificado, fica gravado o número de registro do sistema do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) e do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) recebido pelo carro — esse documento chama-se Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores). Com ele em mão, é possível trafegar tranquilamente e de forma regular por todo o país.

Portanto, é fato que o licenciamento de veículo não é um mero papel inútil para quem dirige carros. Tê-lo em mãos é necessário, ainda mais para não ter o próprio carro apreendido.

Como obter o licenciamento

Como dito antes, o licenciamento de veículo é um procedimento obrigatório a todos que possuem um carro na garagem. Todo ano, uma taxa junto a Detran (Departamento de Trânsito) tem de ser paga para que a inspeção seja realizada. Esse valor é popularmente chamado de taxa de renovação do licenciamento.

Há diversas formas de obter o acesso ao licenciamento de veículos. De caráter presencial, o condutor pode comparecer ao posto de atendimento do Detran, a um Poupatempo, ao banco que preferir ou, até mesmo, nos Correios. Também é possível dar entrada no procedimento via on-line utilizando o Renavam, no portal do Detran.

Claro que alguns documentos são necessários para a emissão do CRLV. É necessário ter em mãos o comprovante de licenciamento do ano anterior, bem como o comprovante de pagamento da tabela IPVA não só do ano anterior, como do vigente também. E, obviamente, o comprovante de pagamento da taxa de renovação.

Caso o condutor tenha algum débito pendente quanto ao seguro DPVAT ou relacionado à multas de trânsito cometidas pelo automóvel em questão, o processo não será realizado. Estar com tudo relacionado ao carro em ordem antes de fazer o licenciamento de veículos é importante para impedir que, no pior do casos, o carro seja apreendido pela polícia.

Consequências de não licenciar o veículo

Para condutores que possuem preguiça de licenciar o seu carro ou mesmo acham melhor não arcar com essa burocracia e despesa financeira, saber o que é licenciamento de veículo talvez não seja o suficiente para encarar essa. Quem não realiza o procedimento, certamente pode acabar sofrendo consequências.

Caso o motorista seja flagrado com o CRLV vencido ou sem o mesmo, certamente um multa deverá ser aplicada. Esse caso, de acordo com o Código Brasileiro de Trânsito (CTB), se enquadra como uma infração gravíssima. O motorista perderá sete pontos na carteira de habilitação, pagará uma multa e ainda terá o carro removido via guincho para o pátio do Detran — onde ficará retido até que dívida seja paga e o processo feito.

Quem não realizou o licenciamento no ano anterior, ainda assim, pode fazer isso no ano vigente. Entretanto, nesse caso, um multa será acrescida ao valor, bem como os juros contados a partir do vencimento do licenciamento do ano anterior. Para dois ou mais anos de pendência, é necessária uma solicitação junto a Secretaria da Fazenda para poder efetuar o pagamento e a regularização.  

Quem não está com o CRLV em dia e é parado em batida policial, pode dar adeus ao seu automóvel — pelo menos até a quitação dos débitos. Há casos de gente que deixa acumular tanta dívida com o veículo que, se for apreendido, certamente nunca mais o verá. Não seja uma dessas pessoas.

Como o licenciamento de veículos pode ajudar na hora da venda

Ter o licenciamento de veículo em dia é bom para poder transitar pelas vias tranquilamente, sem medo de ser parado em uma batida policial e ter seu carro apreendido. Entretanto, esse não é o único pró de realizar o procedimento: em uma negociação de venda de carro, certamente o comprovante de licenciamento, assim como de manutenção, ajudará a valorizá-lo.

A posse da CRLV é como ter mãos os comprovantes de revisão do carro. Quem está comprando, vê que o negócio pode ser seguro e que o carro está dentro dos conformes ambientais e de segurança estipulados pela lei e, a partir daí, enxerga o veículo com outros olhos. A negociação pode até ser mais rápida do que o esperado.

Já quem não tem o documento que comprove o licenciamento do carro, provavelmente encontrará resistência por parte dos compradores. Além de que, com certeza absoluta, todo o valor necessário para licenciar o automóvel será descontado do valor de venda.

No entanto, para quem pensa em vender o seu carro e não está com o CRLV em dia, há uma maneira muito rápida de o fazer: a Instacarro poupa você da dor de cabeça que é negociar a venda de um carro. Além disso, realizamos o processo todo em até 90 minutos e efetuamos o pagamento no mesmo dia. Entre no nosso site e nos conheça!

Venda o seu carro em 3 passos

Avaliação Ecosport

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *