Airbag é eficiente e pode salvar vidas: 7 aspectos importantes sobre esse item de segurança

11/09/2018

Quem é antenado nos assuntos automotivos sabe como o airbag é importante. Responsável por proteger as vidas em casos de colisões ou acidentes, seu papel é tão relevante que o acessório deixou de ser opcional — ou mero acessório — e virou uma obrigatoriedade para todos os novos carros no Brasil.

Para se ter uma ideia, um estudo feito pelo Centro de Experimentação e Segurança Viária (Cesvi Brasil) constatou que o uso do airbag reduz em 14% as chances de motoristas virarem vítimas fatais em acidentes de trânsitos. Em relação aos passageiros, as chances diminuem em 11%. As estatísticas podem parecer pequenas, mas fazem toda a diferença quando impactam milhares de vidas.

Se você ficou curioso e quer conhecer um pouco mais sobre esse item de segurança e entender como ele faz toda a diferença, então está no lugar certo. Leia este post até o final e entenda para que serve os airbags dos carros!

Como funciona o airbag?

Muitas pessoas já ouviram falar sobre esse item, mas poucos sabem como ele realmente funciona ou até mesmo o que significa airbag. Pois bem, agora você vai fazer parte do segundo grupo — daqueles que realmente conhecem o equipamento.

O airbag é acionado depois de receber uma série de sinais que são enviados para o sistema de segurança veicular, como a deformação do chassi ou a redução de velocidade de forma brusca, por exemplo. Esses sensores ficam localizados em regiões estratégicas do carro.

Nesse caso, quando acontece algum comportamento considerado abrupto ou pouco seguro, então o gerador de gás é acionado e começa a se inflar. Tudo isso é feito com o objetivo de proteger o passageiro e evitar impactos.

Qual é a composição do gás?

O gás usado para proteger os passageiros tem comprimidos de azida de sódio e nitrato de potássio em sua composição. A interação entre os dois componentes gera uma combustão e faz com que os gases se expandam de forma rápida — que é o que acontece quando o airbag de carro é acionado.

Tudo isso é feito em um piscar de olhos e sem que o passageiro sequer perceba. Para você ter noção, a média de tempo para o acionamento é de 0,25 de segundo, ou seja, incrivelmente rápido.

Além disso, é bom lembrar que ele também esvazia de forma acelerada. A medida visa evitar sufocamento ou desconforto nos ocupantes — que podem ficar um pouco preocupados depois do acidente.

Por que ele se tornou obrigatório?

Os veículos novos no Brasil devem sair de fábrica com o airbag duplo frontal. Isso significa que ele deixou de ser opcional e virou um item obrigatório. Essa medida visa proteger o motorista e o passageiro, uma vez que, um carro com airbag faz toda diferença quando o assunto é preservar vidas.

É bom lembrar que a medida não visa substituir o uso do cinto de segurança. Isso porque os passageiros que ficam sem o cinto podem se machucar muito, pois a força de impacto que o próprio airbag pode gerar é muito maior quando os corpos estão soltos. Então, para trafegar realmente com segurança, não abra mão das duas medidas!

Além disso, vale lembrar que esse ainda não é um item obrigatório para todos os carros em circulação. Os novos modelos já devem vir com o acessório, mas os veículos que já estavam em circulação têm um período maior para se adequar à nova legislação.

Outro ponto de destaque é que agora existe airbag para moto, dando mais segurança e tranquilidade aos motociclistas. O airbag de moto ainda ajuda na valorização no momento de revenda.

Como é sua fabricação?

Se você tem curiosidade de entender como ele é fabricado, então é bom saber que desde o princípio algumas medidas de segurança são incorporadas para aumentar a eficiência do acessório.

Para começar, o material da bolsa é revestido em silicone, um passo importante e que ajuda a diminuir o atrito com a pele no momento em que o airbag for acionado. Em seguida, são aplicadas algumas camadas de tecido para que o calor do acionamento não atinja o passageiro que será protegido.

O material das bolsas também conta com nylon em sua confecção, mas tudo deve ser costurado com um alto padrão de detalhamento para não impedir a passagem de gás. Interessante entender como todos os detalhes são planejados para garantir a segurança em vários sentidos, não é mesmo?

Ele conta com uma data de validade?

Essa informação pode ser surpresa para algumas pessoas, mas o airbag tem sim uma data de validade. O funcionamento do airbag costuma durar de 10 a 15 anos, mas é sempre bom ler o manual do veículo para entender a data de uma maneira correta e não ficar rodando por aí sem proteção.

Somado a isso, sua funcionalidade engloba apenas uma utilização. Isso significa que uma vez que foi acionado, o kit airbag torna-se inútil e não garante mais a proteção do usuário. Portanto, não há como realizar o conserto de airbag estourado.

Um detalhe importante é perceber o seu carro está com a luz do airbag acesa, pois se isso estiver acontecendo com frequência, o ideal é procurar uma oficina de reparos o mais rápido possível, de preferência, uma oficina autorizada pela montadora de seu veículo, pois a luz do airbag acesa pode significar uma falha em algum lugar do sistema do airbag, fazendo com que ele fique desabilitado.

Onde ele fica localizado no carro?

Como adiantamos, os tipos de airbags mais comuns ficam em frente ao motorista e passageiro. Nesses casos, a posição mais usual é o volante e o painel em frente ao banco do carona — e essas são, inclusive, as opções que se tornaram obrigatórias.

Ainda assim, essas não são as únicas versões de airbag disponíveis. Ele também pode ficar localizado nas laterais, além da parte traseira do banco do motorista e do carona. Quando planejado de maneira correta, o conjunto de airbags pode promover ainda mais segurança.

Ele realmente salva vidas?

O papel do airbag é super comprovado. Ao lado do cinto de segurança, o acessório é uma medida muito importante para salvar a vida das pessoas dentro do carro, pois protege a cabeça, o tronco e o pescoço — e o melhor de tudo: de forma eficaz.

Algumas pesquisas têm revelado que os carros que contam com esse esquema de segurança garantem uma preservação maior da vida dos envolvidos. É claro que não existe uma garantia de que ela será preservada, mas, de um modo geral, ele é o principal responsável por evitar lesões mais sérias e casos de óbito.

Agora que você entende melhor o que é airbag e como ele pode salvar vidas, não abra mão dessa proteção no seu veículo e trafegue mais protegido. Embora não seja obrigatória para todos os modelos, pondere sobre os benefícios que essa tecnologia pode trazer e promova sua segurança e de quem você ama!

Para continuar se informando sobre o assunto, aproveite para ler nosso post sobre tecnologias fantásticas que são tendências para os carros híbridos do futuro. Boa leitura!

Powered by Rock Convert

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *