Quais são os sinistros não cobertos pelo seguro?
sinistros não cobertos pelo seguro - inspetor avaliando um veículo batido

Quais são os sinistros não cobertos pelo seguro?

Você já se perguntou quais são os sinistros não cobertos pelo seguro do seu carro? Conheça as situações nas quais a empresa seguradora pode te dizer ‘não’ para você.

Contratar um seguro de carro parte de uma máxima básica: a busca por segurança e pouca dor de cabeça em qualquer manutenção com o carro. Porém, independente de contratar uma das seguradoras mais confiáveis do país ou uma empresa nova no mercado, existem algumas regras para que a indenização seja paga quando solicitada.

cta blog venda seu carro

É preciso estar sempre atento, pois, por exemplo, se você precisar de um carro reserva, porém seu contrato não possui esse benefício, a seguradora tem o direito de negá-lo. Além disso, ler a apólice com cuidado é de suma importância. Pensando nisso, listamos dez situações onde a seguradora não é obrigada a indenizar o segurado. 

10 sinistros não cobertos pelo seguro do carro

1. Sinistro intencional

Começamos nossa lista sinistros não cobertos pelo seguro com uma situação, infelizmente, bem comum no mercado. Existem alguns segurados que provocam o sinistro de veículos para receber a indenização. Por exemplo, bateu o carro, mas não deu perda total? Algumas pessoas realizam procedimentos para que o carro seja destruído ainda mais para que o mesmo seja indenizado por completo.

Porém, as seguradoras possuem profissionais especializados para analisar diferentes situações, inclusive o motivo do sinistro. Se for provado que a situação foi intencional, o pagamento da indenização será negado. 

2. Mentir sobre suas informações

Mentira tem perna curta, como já diria o ditado popular, e no caso do seguro, uma inverdade pode piorar sua situação diante de um sinistro. Informar dados errados, seja em relação ao uso do veículo, local de residência ou outros, pode resultar na negação do pagamento da indenização.

sinistros não cobertos pelo seguro - mulher com mãos na cabeça dentro de um carro

As seguradoras possuem um departamento de investigação, responsável por analisar se todas as informações passadas realmente condizem com a realidade. Se houver divergências, a empresa pode negar a indenização do seguro e até mesmo, em casos extremos, te processar por falsidade ideológica.

3. Mudança de perfil durante a vigência da apólice

Durante a vigência do contrato é necessário que qualquer alteração seja informada à seguradora. Se você mudar de casa, se casar ou se separar, por exemplo, é importante que avise seu corretor para realizar a alteração em sua apólice.

sinistros não cobertos pelo seguro - veículo hatch cinza com traseira batida

Informar essas coisas para a seguradora é importante porque essas informações alteram diretamente o perfil de risco analisado pela seguradora.

4. Dirigir embriagado

Previsto em lei e na apólice de todos os seguros, não é permitido dirigir embriagado. Por isso, se você sofrer um acidente e mesmo após recorrer contra a Lei Seca for comprovado que estava embriagado, ou que você estava praticando qualquer ato contra a lei, a recusa da indenização é certa.

sinistros não cobertos pelo seguro - homem com a mão no pescoço preocupado após batida de carro

5. Emprestar o carro para pessoas não habilitadas

Suponhamos que seu filho está aprendendo a dirigir e você empresta seu carro a ele. Saiba que, se ele não tiver habilitação e se envolver em um acidente, a seguradora irá negar o ressarcimento do sinistro. Inclusive, ela está amparada pela lei para negar o pagamento da indenização.

6. Pagamento atrasado

Não está com o pagamento das mensalidades do seguro em dia? Saiba que isso pode gerar a suspensão da cobertura e até mesmo o cancelamento do seguro. Nesses casos, se percebido que não será possível pagar até o vencimento, o melhor a fazer é entrar em contato com a seguradora para negociar os valores.

sinistros não cobertos pelo seguro

7. Sinistro envolvendo veículos de parentes de 1º grau ou cônjuges

Um caso inusitado agora: Familiares de primeiro grau, como pais, irmãos e filhos, assim como cônjuges, não são caracterizados como terceiros. Se você bater no carro da sua esposa, por exemplo, o seguro não atenderá ao sinistro.

sinistros não cobertos pelo seguro - homens com celular na mão após batida de carro

8. Tumultos generalizados

Caso seu veículo esteja exposto a situações de risco como brigas de torcedores ou manifestações públicas, e seja danificado, você não terá direito a receber a indenização da seguradora. Previsto na apólice, leia o documento sempre com atenção para não deixar passar detalhes como esse. 

sinistros não cobertos pelo seguro - picape hilux batida atrás de outra picape e mulher segurando celular na mão

9. Documentação incompleta

Na hora de pedir sua indenização, é necessário enviar alguns documentos para a seguradora, sendo que esses são informados quando é comunicado o ocorrido. Por exemplo, se o carro for roubado será preciso encaminhar um boletim de ocorrência com o fato registrado e mais os documentos do carro. Caso não envie, o pagamento da indenização fica retido até que tudo seja regularizado.

sinistros não cobertos pelo seguro - picape hilux branca batida em carro hatch azul

10. Mudanças na estrutura do veículo

Antes de realizar qualquer mudança no seu carro, saiba que qualquer procedimento estrutural no veículo deverá ser comunicada à seguradora, após vistoria. Isso porque, em casos como rebaixamento do carro e mudanças no motor, por exemplo, as seguradoras não oferecem cobertura.

sinistros não cobertos pelo seguro - carro preto batido

Posts relacionados

Carros que parecem ter sido feitos no Minecraft

Carros que parecem ter sido feitos no Minecraft

Conheça alguns modelos de carros que parecem ter saído do Minecraft, um dos jogos de videogame mais famosos do mundo…
Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat revela o Grand Panda, o sucessor dos modelos Argo e Mobi, inspirado no Citroën C3 A Fiat prepara um…
GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

 O novo SUV GWM Haval H6 chega ao mercado com preço promocional e a autonomia puramente eletrica revelada: 74 km A…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *