6 riscos ao vender carro em locais e contatos desconhecidos

21/05/2019

Vender carro, tanto pela internet quanto pessoalmente, exige cuidados, alguns pontuais, mas muito específicos e importantes para que tudo ocorra sem dor de cabeça. É preciso ficar atento para não cair em golpes ou ser vítima de algum estelionatário, uma vez que todos os dias vemos casos de pessoas que fazem uso da boa-fé dos outros para cometer crimes e levar vantagem.

Todo cuidado e atenção devem ser em dobro quando os envolvidos na negociação são pessoas e locais desconhecidos, afinal, nessas situações os riscos são bem maiores.

Para fazer um bom negócio, com segurança, e evitar possíveis complicações na hora de vender seu carro, selecionamos alguns dos golpes mais comuns. Acompanhe e saiba como se prevenir.

1. Não pagar pelo carro

O comprador confere o carro, faz a vistoria e demonstra estar muito interessado na aquisição. Então, ele liga para alguém para fazer a transferência do valor e isso, de fato, é comprovado pelo vendedor do veículo.

Depois, o golpista solicita ao vendedor a chave reserva do carro e um recibo discriminando o valor da compra, como uma garantia de que o negócio foi concretizado.

O problema é que, no dia seguinte, a pessoa que vendeu o carro descobre que não havia nada no envelope da transferência bancária e aí começam os problemas.

O mais comum é o estelionatário usar o comprovante e a chave reserva para exigir “resgates” ou fazer chantagens com o real dono dizendo que pode contestar sua reclamação. Também ele simplesmente pode desaparecer com o veículo uma vez que tem a chave!

2. Não fazer a transferência dos documentos

Mais um caso em que o comprador desconhecido se aproveita da boa vontade de quem quer vender carro. Como sabemos, o comprador tem 30 dias para realizar a transferência do veículo, prazo que começa a valer a partir do dia em que foi feito o preenchimento do CRV.

O problema disso é que se o comprador cometer infrações e o veículo ainda estiver no nome de quem vendeu, a responsabilidade recairá sobre o vendedor e provar que ele não foi o responsável e que o carro foi vendido complica ainda mais as coisas.

A forma mais usada para resolver essa situação é buscando a ajuda da justiça. Assim, será possível pedir a anulação das infrações que foram cometidas por quem comprou e até obrigá-lo a fazer a transferência para seu próprio nome sob risco de ter que pagar multas diárias.

3. Levar o carro em local desconhecido

No processo de vender carro, há várias maneiras usadas pelos criminosos para praticar roubos. A mais comum é quando o comprador analisa pessoalmente o carro e pede para fazer um test drive e quem vende acaba confiando e, por algum motivo, permite que ele saia sozinho. O problema é que ele nunca mais volta!

Também pode acontecer de o comprador pedir para que o vendedor leve o carro até determinado local e aproveita o isolamento da região e a falta de conhecimento da pessoa para praticar o roubo.

O segundo caso deve ser evitado a todo custo. Não é possível adivinhar com quem vamos nos encontrar. A dica é sempre escolher locais conhecidos e públicos. Se o comprador começar a evitá-los, pode ser sinal de que já estava mal-intencionado.

Para evitar o roubo no test drive, nada mais simples do que nunca deixar o interessado sozinho com o veículo. Também ajuda definir uma rota conhecida com as ruas em torno de sua casa ou dentro do condomínio onde mora para o teste.

4. Comprador pede para parcelar

Por mais que o comprador insista, nunca se deve fazer os chamados “contratos de gaveta”. Acontece muito frequentemente de que estelionatários insistam nisso para pagar apenas uma parte e depois desaparecer com o veículo.

É uma questão de confiança mesmo e isso não podemos dar para qualquer um. Se a pessoa insistir, é melhor orientá-la a buscar um empréstimo se quiser efetivar a compra.

5. Comprar de mulheres

Há golpistas que atuam exclusivamente com o objetivo de prejudicar mulheres que querem vender carro. Eles aproveitam para fazer isso especialmente com aquelas em que percebem certo desconhecimento sobre o processo ou que estão fazendo tudo praticamente sozinhas.

Aqui a situação vai um pouco além do financeiro, pois todas as situações descritas acima podem acontecer com elas e, além disso, esses criminosos podem aproveitar a vulnerabilidade de algumas mulheres para tentar prejudicar a integridade física delas. É um risco que não se pode correr!

Ter sempre uma companhia, escolher locais conhecidos e, se não conhecer o processo de venda de um carro, buscar por ajuda são pontos que tanto as mulheres quanto os homens não podem deixar de lado.

6. Pagar com dinheiro falso

O mais antigo de todos os golpes ainda é muito comum quando a pessoa quer vender carro. Muitos golpistas escolhem aquelas pessoas que estão precisando fechar a venda de forma rápida e que estão abaladas de alguma forma — doença, problema familiar, desemprego.

Eles se mostram muito interessados e dispostos a comprar o carro, mas insistem em um pagamento em dinheiro. O problema é que entre as notas verdadeiras estão as falsas e, no final das contas, é o vendedor quem fica com o prejuízo.

Se ele não quiser ou não puder fazer uma transferência bancária, o ideal é ir acompanhado do comprador até uma agência que você confie. Depois, basta conversar com o gerente para que ele possa sacar a quantia desejada.

Aliás, aproveite para depositar o dinheiro em sua conta no mesmo momento. Nunca é uma boa ideia sair de um banco com grandes quantias em dinheiro.

Como evitar golpes

Além de ficar atento aos pontos abordados acima, é interessante que, antes de vender carro, a pessoa busque se informar sobre os golpes mais comuns, pois todos os dias surgem novas modalidades.

Buscar orientação especializada na hora de lidar com documentos também ajuda a evitar problemas nesse sentido. No mais, é o mais simples o que mais ajuda: evite ao máximo fechar o negócio com quem você não conhece!

Agora, para evitar tudo isso ao vender carro, uma excelente alternativa é buscar por serviços especializados, referência no mercado e de confiança, como a InstaCarro. A plataforma oferece todos os recursos para que você consiga vender seu veículo de forma rápida, prática e segura!

Quer saber como a InstaCarro pode ajudar no processo de negociação e venda de seu veículo? Entre em contato com a gente e tire todas as suas dúvidas!

Powered by Rock Convert

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *