Rivian R1T: a super picape elétrica
rivian_r1t_launch_edition_9

Rivian R1T: a super picape elétrica

Conheça todos os detalhes da Rivian R1T, picape elétrica que visa ser soberana num segmento ainda pouco explorado

Sabe a Tesla Cybertruck? Foi superada na corrida das picapes elétricas pela também americana Rivian R1T, que se tornou o primeiro modelo do tipo a entrar em produção em série, em setembro do ano passado.

cta blog venda seu carro
quanto vale o seu carro na instacarro

Além desse pioneirismo, a Rivian R1T também impressiona com empolgantes números de desempenho e autonomia, tão bons ou até superiores ao de algumas picapes com motores a combustão. Saiba mais a seguir,

A marca

A Rivian é uma montadora que foi fundada em 2009, nos Estados Unidos. Depois de um início desenvolvendo tecnologias para carros autônomos e elétricos, a empresa adquiriu em 2017 uma antiga fábrica da Mitsubishi em Normal, no estado de Illinois (EUA), e anunciou os projetos da picape R1T e do SUV R1S

Ambos os modelos foram apresentados ao público pela primeira vez no Salão do Automóvel de Los Angeles de 2018. De lá para cá, a empresa iniciou o mês de março de 2022 com mais de 11 mil funcionários e mais de 2.400 automóveis produzidos, além do projeto de construção de uma nova fábrica no estado americano da Georgia.

A picape Rivian R1T

rivian_r1t_launch_edition_66

Atualmente, a Rivian R1T está disponível apenas na configuração de lançamento Launch Edition, com quatro motores (um para cada roda), e que parte de US$ 85.000 (cerca de R$ 406.000 na cotação atual). Valor que é alto mesmo para o padrão americano. Para se ter uma ideia, uma RAM 3500 Limited Longhorn parte de US$ 64.130.

Mas os números desse modelo impressionam: com 847 cv e 124,4 kgfm de torque, a Rivian R1T de quatro motores acelera de 0-100 km/h em pouco mais de três segundos. Além de poder cruzar terrenos com até um metro de água.

Pensada também para uso off-road, conta com o modo Rock Crawl, pensado para escalar rochas e que eleva a suspensão ao máximo, ao mesmo tempo permitindo que cada motor controle o torque de cada roda de maneira independente.

Com o conjunto padrão de bateria (de 135 kWh), roda até 505 km com uma carga. Marca que pode ultrapassar os 640 km com a bateria Max Pack, de 180 kWh.

Para 2024, está previsto o início das entregas das versões mais simples, com apenas dois motores e bateria de menor capacidade. Mas de números igualmente impressionantes: mais de 600 cv (tração integral) e autonomia de cerca de 418 km.

A Rivian destaca que a picape pode rebocar mais de 4.989 kg e oferece uma capacidade de carga útil de 798 kg, além de trazer na caçamba espaços isolados para o transporte de bagagem, tomadas e até um compressor de ar.

Interior

Rivian R1T

No interior, a cabine do R1T pode ter um acabamento mais esportivo, em cores escuras, ou um visual mais clássico, com revestimentos em madeira e em um material sintético chamado de couro vegano pela empresa.

Os ocupantes se beneficiam de luxos como um teto solar panorâmico e também, wi-fi nativo e um sistema de som premium Meridian. Outro destaque tecnológico é o Driver+, um sistema de direção semiautônomo que permite ao motorista (quase) abrir mão da direção em rodovias selecionadas.

Posts relacionados

Tesla Model Y é o carro mais vendido do mundo, veja o ranking

Tesla Model Y é o carro mais vendido do mundo, veja o ranking

Em levantamento em mais de 115 países, Tesla Model Y desbanca Corolla e se torna carro mais vendido do mundo,…
Carros que parecem ter sido feitos no Minecraft

Carros que parecem ter sido feitos no Minecraft

Conheça alguns modelos de carros que parecem ter saído do Minecraft, um dos jogos de videogame mais famosos do mundo…
Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat revela o Grand Panda, o sucessor dos modelos Argo e Mobi, inspirado no Citroën C3 A Fiat prepara um…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *