O IPVA 2018 está chegando! Já se programou?

02/12/2017 ipva 2018

Como já era de se esperar, ter um carro próprio na garagem custa dinheiro. Engana-se quem acha que os gastos envolvidos é só o pagamento das parcelas da compra do automóvel. Gasolina, manutenção, estacionamento… São apenas três dos muitos custos envolvidos na posse de um carro — isso que ainda nem citamos os impostos. Falando nisso, está chegando a hora de pagar o IPVA 2018! Você já se programou?

Consultar a tabela IPVA na época de fim de ano, naturalmente, pode gerar calafrios na maioria das pessoas. Para quem mora em grande pólos urbanos, como São Paulo e Rio de Janeiro, as alíquotas são as maiores — ou seja, o valor do imposto é o maior possível do país. No entanto, com planejamento financeiro, o pagamento se torna bem mais tranquilo.

Como se sabe, o IPVA 2018 pode ser parcelado em até três vezes — no primeiro trimestre do ano, entre janeiro e março. Recomenda-se fortemente que o proprietário do veículo não atrase o pagamento, pois, caso o faça, terá seu nome incluído na dívida ativa do governo — fora a multa por inadimplência.

Portanto, programar-se para o pagamento do IPVA é necessário. Para muitas pessoas, dezembro é época de décimo terceiro salário. Ao invés de pegar o dinheiro e gastar tudo em presentes de Natal, talvez seja uma boa ideia investir na quitação do imposto — acredite: é melhor se garantir e evitar problemas com o governo caso não consiga pagá-lo.

No post abaixo, falamos um pouco sobre como é calculado o IPVA, as consequências de não pagá-lo e, claro, mostramos a você o calendário de pagamento para 2018. Confira e se programe!

Como é calculado o IPVA 2018?

Muita gente, quando vai efetuar o pagamento do IPVA, se pergunta: “como é calcular o IPVA?”. Outras, no entanto, só querem saber de pagá-lo e ponto final. Sem mais delongas.

A resposta para a questão, na verdade, é fácil: para calcular o valor do IPVA 2018, é considerado, para a conta, o tipo de veículo, a alíquota estadual do mesmo e o seu valor venal. Caminhão e carro, por exemplo, possuem valores diferentes referentes ao IPVA — para outros tipos de veículos como ônibus e caminhonetes, é aplicado o mesmo conceito.

A categorização dos veículos, no entanto, é feita de estado para estado — no geral, as seleções são bem parecidas, mas a lei é essa. A alíquota do imposto, em cada um das 26 unidades federativas do Brasil — e também no Distrito Federal —, também é diferente. No Rio de Janeiro, em São Paulo e em Minas Gerais, por exemplo, aplicam a maior porcentagem: 4% do valor venal do veículo.

Para se tomar como exemplo: se um certo modelo carro de São Paulo possui o seu valor venal — definido pela tabela Fipe — de R$ 20 mil, o preço final do IPVA 2018 será de 4% desse montante: R$ 800. Lembre-se: quanto mais caro o carro, maior será o valor do imposto.

Imposto estará mais barato no próximo ano

No entanto, em meio a época próxima ao pagamento do IPVA 2018, uma ótima notícia para os proprietários: o imposto, no próximo ano, deverá ser em torno de 3,2% mais barato — ao menos em São Paulo, como informou a Secretaria da Fazenda de São Paulo. A informação foi dada após a divulgação da tabela dos valores venais no Diário Oficial, no último dia de novembro.

Especula-se que a redução do valor do IPVA 2018 se deve à depreciação de carro que aconteceu em 2017. Muita gente decidiu continuar com seu veículo atual, o que impossibilitou uma alta muito grande nas vendas de carro. Com isso, obviamente, o preço despencou, assim como o valor venal e o preço do IPVA.

A queda, no entanto, não deve se manter para os próximos anos. Como se sabe, o mercado automobilístico está em franca recuperação desde 2015, após a crise econômica. Com a desvalorização desse ano, é bem provável que, em 2018, as vendas cresçam e, consequentemente, o mercado se valorize de novo — resultado: alta no valor do IPVA.

Para aproveitar o imposto mais barato, vale a pena se planejar para quitá-lo em cota única no mês de janeiro. O governo concede um desconto de 3% para quem pagar o IPVA 2018 à vista no primeiro mês do ano. Com isso, vale ainda mais a pena se programar!

Calendário de pagamento do IPVA 2018

Já deu para entender que pagar o IPVA corretamente, sem atrasos, é importante, não é mesmo?  Após quitar o débito com o governo, você se vê livre de mais uma taxa estatal que deve ser paga — pelo menos até o começo do próximo ano. Portanto, aproveitando que estamos chegando ao fim de 2017, veja o calendário de pagamento do IPVA 2018 e planeje-se:

ipva 2018

Posso pagar o IPVA na lotérica?” Sim! Nos dias de hoje, quitar as dívidas com o governo é mais fácil do que parece.

O que acontece se eu não pagá-lo?

Após ler tantas vezes nesse texto que é bom se planejar para para o IPVA 2018, você ainda não se perguntou o que acontece caso o imposto não seja quitado? Pois bem, coisa boa, não é. Primeiramente, lembre-se disso: IPVA atrasado dá multa, sim! Inclusive, não é um valor nada agradável para o bolso do consumidor.

Para cada dia de atraso no pagamento do imposto, é acrescentado 0,33% do valor oficial do IPVA em questão. O acréscimo se dá até 60 dias depois da data oficial de pagamento — dada essa data, a multa se estabelece em 20% do valor. Além disso, não será possível realizar o licenciamento do carro caso haja débitos pendentes. Nesse caso, o motorista pode até acabar tendo o seu veículo apreendido pelo Detran.

No entanto, tão importante quanto planejar o pagamento do IPVA 2018 é, também, fazer o mesmo com a venda do seu carro. Na Instacarro, não deixamos que o cliente sofra dor de cabeça por causa das burocracias envolvendo a transferência do seu carro. Entre no nosso site e agende uma inspeção!

Venda o seu carro em 3 passos!

https://www.instacarro.com/agende-sua-inspecao/?ab_test_version=E9

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *