Teste: Hyundai Creta Platinum esbanja personalidade com visual ousado e motor turbo
Hyundai Creta Platinum

Teste: Hyundai Creta Platinum esbanja personalidade com visual ousado e motor turbo

O motor 1.0 turbo fez bem ao Hyundai Creta Platinum e traz bom desempenho para casar com o visual mais ousado

O Hyundai Creta era aquele sujeito que existe em todas as empresas: o profissional competente, mas que prefere permanecer oculto com roupas sóbrias e comportamento contido. 

cta blog venda seu carro
quanto vale esse carro na instacarro

Até que um dia ele resolve ousar: mantendo a mesma eficiência de antes, passa a falar mais alto e se vestir de maneira ousada. Afinal. Falem bem ou falem mal, falem de mim.

Pois foi exatamente isso que aconteceu com o SUV compacto da marca sul-coreana. Lançado no mercado automotivo brasileiro no fim de 2016, era um modelo com várias qualidades, mas bem conservador.

Em setembro do ano passado, o Creta passou por sua primeira reestilização significativa no Brasil. Quando passou a ostentar uma carroceria de linhas ousadas. 

Mas a principal novidade foi a troca do antigo 1.6 aspirado pelo mesmo 1.0 turbo que já testamos no Hyundai HB20. Para mostrar qual foi o impacto dessas mudanças, confira a seguir a avaliação da versão Platinum 1.0 turbo do Hyundai Creta.

Carroceria

Hyundai Creta Platinum

Apesar do choque inicial, dá para dizer que o resultado agrada muito mais ao vivo do que nas fotos. Na pior das hipóteses, pelo menos o SUV ganhou uma personalidade mais marcante.

A dianteira com conjunto de faróis em dois níveis não é exatamente uma novidade. Mas deu uma cara mais atual ao modelo. E combina com as linhas marcantes das laterais e da traseira, onde a Hyundai apostou também em um conjunto ótico de dois níveis.

Hyundai Creta Platinum

Por dentro, é possível afirmar que as mudanças foram menos polêmicas. Sai o painel antiquado e que remetia ainda à antiga linguagem visual da empresa e entra um conjunto mais atualizado, com o visual dos modelos internacionais da marca. 

Além do painel digital configurável de 7”, o modelo traz uma grande tela multimídia de 10,25”, volante esportivo e um console central alto. Apesar da quase ausência de materiais macios, os plásticos têm bom aspecto e são agradáveis para os olhos. Transmitindo uma sensação de requinte. 

Hyundai Creta Platinum

Com 4,300 m de comprimento, entre-eixos de 2,610 m, 1,790 m de largura e 1,620 m de altura, o novo Hyundai Creta é ligeiramente maior que o antecessor. 

O resultado disso é que o bom espaço interno permanece como um dos pontos fortes do SUV. Além das portas com bom ângulo de abertura, os passageiros do banco traseiro se beneficiam ainda de saídas de ventilação e uma porta USB dedicada. Já o porta-malas leva até 422 litros de bagagem.

Ao volante

Hyundai Creta Platinum

Polêmicas à parte, um ponto unânime foi o impacto positivo da troca do motor 1.6 aspirado de 130 cv pelo 1.0 turbo de 120 cv. 

Apesar da maior potência, o antigo 1.6 pedia que o motorista não tivesse medo de abusar do acelerador para extrair o melhor desempenho. 

Hyundai Creta Platinum

Isso acontece pois o torque máximo, de 16,5 kgfm, aparecia apenas a 4.500 rpm. Enquanto os 17,5 kgfm do motor turbo estão disponíveis já a partir de 1.500 rpm.

O resultado prático disso é que o 1.0 turbo, que é combinado a um câmbio automático de seis marchas, mostra sempre ter fôlego de sobra. Além de entregar um consumo mais baixo de combustível. 

Hyundai Creta Platinum

De acordo com o PBE Veicular, do Inmetro, com gasolina as médias de consumo são de 11,6 km/l (cidade) e 12 km/l (estrada). Ante os 9,8 km/l (cidades) e 11,7 km/l (estrada) do 1.6.

Outros pontos que merecem elogios no modelo são o acerto do sistema de direção, bem precisa, e o sistema de suspensão, que tem um acerto mais voltado para o conforto.

Mercado

Hyundai Creta Platinum

Topo de linha com o motor 1.0 turbo, o Hyundai Creta Platinum das fotos parte de R$ 151.090. Valor que inclui o teto solar e a pintura Prata Brisk. Com a carroceria em Preto Onix e sem o teto panorâmico, o valor cai para R$ 145.490.

Mesma faixa de preço de modelos como o Volkswagen T-Cross Comfortline 200 TSI (R$ 147.350) e Nissan Kicks Exclusive Pack Tech (R$ 143.990). 

Hyundai Creta Platinum

De série, traz painel digital, multimídia com tela de 10,25″, airbags laterais e de cortina, controles eletrônicos de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, controlador de velocidade, câmera para monitoramento de ponto cego, bancos de couro com ventilação para o motorista, freio de estacionamento eletrônico, ar-condicionado automático digital, seletor de modos de direção, chave presencial, rodas de 17″ e faróis com acendimento automático.

Outro destaque vai para o sistema Bluelink, que permite monitorar o veículo à distância (inclusive por meio de imagem), abrir e fechar portas e janelas, acionar o motor e acessar parâmetros do veículo por meio do smartphone.

Por outro lado, a Hyundai decidiu reservar itens como controlador adaptativo de velocidade, faróis de LED, assistente de manutenção em faixa e frenagem autônoma apenas para a versão de topo Ultimate, equipada com o motor 2.0 de 167 cv e que parte de R$ 164.690. Itens que, vale destacar, estão presentes como itens de série nos concorrentes citados mais acima. 

Conclusão

Hyundai Creta Platinum

A Hyundai aproveitou a reestilização de 2021 para apimentar um pouco mais o Creta.

O resultado é um carro que ainda chama a atenção pelo espaço interno e conforto em rodagem. Mas que agora agrada também pelo bom desempenho do motor 1.0 turbo e do câmbio automático.

Mesmo com o visual polêmico, as linhas do Creta me agradaram e deram uma personalidade mais marcante para o modelo. O mesmo pode ser dito do interior, que ficou bem mais agradável com o abandono das datadas linhas presentes desde 2016.

Com um bom conteúdo em termos de itens de conforto, uma melhoria que faria bem para esta versão Platinum seria a presença dos assistentes tecnológicos presentes apenas na topo de linha Ultimate.

Ficha Técnica do Hyundai Creta Platinum

Motor três cilindros em linha, 1.0, 16 válvulas, turbo, injeção direta
Cilindrada 998 cm3
Combustível flex
Potência 120 cv a 6.000 rpm
Torque 17,5 kgfm a 1.500 rpm
Câmbio automático, seis marchas
Direção eletroassistida
Suspensões McPherson (dianteira) e eixo de torção (traseira)
Freios discos ventilados (dianteira) e discos sólidos (traseira)
Tração dianteira
Dimensões 4.300 mm (comprimento), 1.790 mm (largura), 1.620 mm (altura)
Entre-eixos 2.610 mm
Pneus 215/60 R17
Porta-malas 422 litros
Tanque 50 litros
0-100 km/h 11,5s
Vel. máxima 180 km/h
Consumo cidade (Inmetro) 11,6 km/l
Consumo estrada (Inmetro) 12,0 km/l

Galeria do Hyundai Creta Platinum

Posts relacionados

Bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos? Isso já existe!

Bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos? Isso já existe!

SVOLT, divisão da GWM, desenvolve bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos e que promete durar mais de…
Dolphin Mini 5 lugares chega ao Brasil por R$119.800

Dolphin Mini 5 lugares chega ao Brasil por R$119.800

BYD confirma a chegada do Dolphin Mini 5 lugares, versão esperada desde o lançamento do elétrico compacto, e com novidade…
Vender Carro em Santo André: Descubra a InstaCarro

Vender Carro em Santo André: Descubra a InstaCarro

Se você quer descobrir a melhor forma de vender carro em Santo André, conheça a InstaCarro e sua solução. Saiba…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *