Imposto de importação para carros híbridos e elétricos volta a ser cobrado
tomada-carros-elétricos - Comprar carro híbrido ou carro elétrico usado

Imposto de importação para carros híbridos e elétricos volta a ser cobrado

Ministério do Desenvolvimento firmou a volta total do imposto para carros elétricos e híbridos para 2026, e retorno parcial em 2024

Após muita conversa entre o setor automotivo e o Governo Federal, na tarde desta sexta (10) foi decidido o retorno do imposto de importação para carros elétricos e híbridos a partir de janeiro de 2024. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Mdic), protocolou as medidas para o retorno do imposto no mercado brasileiro.

cta blog venda seu carro

Segundo o ministério, a volta será gradual ao longo dos próximos anos, até chegar a alíquota de 35% em 2026. O imposto subirá gradualmente com quatro divisões. O Governo, ainda dividiu o retorno do imposto com base na propulsão, para permitir que as montadoras ainda consigam importar veículos com isenção.

Cotas para carros eletrificados

Tipo de veículojunho/2024junho/2025junho/2026
ElétricoUS$ 283 milhõesUS$ 226 milhõesUS$ 141 milhões
Híbrido plug-inUS$ 226 milhõesUS$ 169 milhõesUS$ 75 milhões
HíbridoUS$ 130 milhõesUS$ 97 milhõesUS$ 43 milhões
Fonte: Ministério do Desenvolvimento Indústria, Comércio e Serviços (Mdic)

Retorno gradual do imposto de importação carros híbridos e elétricos

Tipo de veículojan/2024julho/2024julho/2025julho/2026
Elétrico10%18%25%35%
Híbrido plug-in12%20%28%35%
Híbrido12%25%30%35%
Fonte: Ministério do Desenvolvimento Indústria, Comércio e Serviços (Mdic)

Atualmente, não é produzido nenhum veículo elétrico no Brasil. A medida de alíquota zero no imposto de importação de elétricos e eletrificados foi tomada há 8 anos para incentivar o mercado de eletrificados e incentivar o mercado automotivo brasileiro, criando um mercado de consumidores desses veículos.

Apesar disso, apenas veículos híbridos leves são produzidos para CAOA Chery no país, e a Toyota faz a produção de dois veículos híbridos, sendo eles o Corolla e o Corolla Cross.

Veja também:

Venda de carros elétricos cresce 29,5% em outubro, diz ABVE

O mercado sobre o retorno do imposto para carros híbridos e elétricos

elétricos JAC Motors JAC iev40 imposto carros elétricos

Após a decisão do Ministério do Desenvolvimento, a Associação Brasileira de Veículos Elétricos divulgou uma nota lamentando a decisão governamental.

“As medidas anunciadas hoje são muito ruins para a eletromobilidade” – disse o presidente da ABVE, Ricardo Bastos. “Elas atendem principalmente ao lobby das associações que defendem os combustíveis fósseis, e não aos interesses dos consumidores e da sociedade brasileira, que apoiam um transporte moderno e não poluente”, afirmou em nota.

Segundo a associação, o medo do mercado é o setor que até então, está em constante crescimento, caia com as novas medidas “As vendas de veículos elétricos e híbridos leves no Brasil baterão um novo recorde em 2023, com cerca de 80 mil emplacamentos, mas não pode mais garantir que, com as novas medidas, manterão o mesmo ritmo de crescimento, a partir de 2024.” avaliou.

Posts relacionados

Novo Polo Rock in Rio: VW lança versão especial, confira

Novo Polo Rock in Rio: VW lança versão especial, confira

Em comemoração aos 40 anos do festival Rock in Rio, a Volkswagen lança uma edição especial do Polo Track A…
Lexus ES 300h e NX 350h chegam em 2025 com novidades

Lexus ES 300h e NX 350h chegam em 2025 com novidades

Modelos híbridos da Lexus ES 300h e NX 350h recebem novos equipamentos como sistema de som Mark Levinson e carregador…
Stellantis investe de R$ 3 bilhões no Brasil para produção de carro

Stellantis investe de R$ 3 bilhões no Brasil para produção de carro

Investimento da Stellantis em Porto Real terá foco na plataforma CMP do C3 e C3 AirCross, mas Jeep Avenger pode…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *