Como funciona um carro a hidrogênio?
toyota mirai carro hidrogenio

Como funciona um carro a hidrogênio?

Descubra o que é, como funciona e o que já se pode esperar de um carro a hidrogênio e sem qualquer tipo de combustão mineral.

Entre inúmeras iniciativas e alternativas para agregar mais tecnologia e sustentabilidade ao mercado automotivo, diversos pesquisadores e montadoras têm apostado em uma das ideias mais promissoras quando o assunto é combustível limpo: a invenção do carro a hidrogênio!

cta blog venda seu carro

Bom, e se você chegou até aqui pensando que esse deve ser mais um daqueles projetos futurísticos, que provavelmente ainda vai demandar muito tempo para se tornar realidade no mundo, saiba que já existe um modelo em plena circulação na Europa.

E justamente para você conhecer melhor qual é esse carro a hidrogênio, como ele funciona na prática, seus principais diferenciais e, claro, como isso deve influenciar o setor nos próximos anos, nós preparamos este post repleto de dicas e informações sobre o tema. Confira até o final e boa leitura!

Afinal, o que é um carro a hidrogênio?

O hidrogênio é o elemento químico mais abundante em todo o universo, com funções diversificadas e essenciais para a nossa vida. Por exemplo, é ele que permite que o Sol aqueça a Terra adequadamente e também é ele que proporciona a criação de água na Terra, sabia?

Pois bem! Muito além dessas funcionalidades naturais, o hidrogênio pode ser utilizado como insumo para diversos fins industriais, entre eles, ser fonte de energia limpa e renovável, ou seja, trata-se de um “combustível” praticamente infinito, de alta eficiência e sem riscos e impactos para o meio ambiente.

Dessa forma, para conceituar o que é um carro a hidrogênio, podemos considerá-lo como um automóvel que dispensa fontes de energia externa e minerais, podendo ser locomovido a partir da interação entre eletricidade e processos químicos-físicos com base no hidrogênio. Deu pra entender? Mais a frente, a gente detalha ainda melhor.

Como funciona um carro a hidrogênio?

carro a hidrogenio

Em um visão mais técnica, o carro a hidrogênio conta com uma série de componentes que, interligados, conseguem gerar eletricidade a bordo.

E entre os principais diferenciais de funcionamento e estrutura desses automóveis, podemos começar pelo tanque responsável por armazenar o hidrogênio líquido sob pressão. 

Na prática, esse item não se assemelha em nada com os tanques de combustíveis convencionais dos carros comuns. Primeiro, porque são feitos em materiais ultra-resistentes tanto a impactos, como a temperaturas. Depois, pelos tamanhos reduzidos, mas suficientes para alimentar o motor com o combustível por longo período.

Já em relação a operação do sistema a hidrogênio, esse elemento químico, junto ao oxigênio proveniente de passagens e entradas de ar, permite gerar eletricidade e alimentar o motor para que o veículo ande sem a necessidade de qualquer tipo de combustão.

Além disso, o carro a hidrogênio também pode contar com uma bateria especial, que armazena essa eletricidade gerada no processo químico-físico durante o seu funcionamento. Isso significa que, apesar do combustível essencial ser o hidrogênio, estes veículos dependem obrigatoriamente de um sistema elétrico alimentador.

Há carros a hidrogênio integrados a sistemas de combustão?

Sim! Se você já pesquisou ou leu sobre algum modelo de veículo a hidrogênio com motor de combustão interna, certamente está se questionando sobre as diferenças em relação ao funcionamento que acabamos de destacar no tópico anterior.

No entanto, os chamados HICEV, ou Hydrogen Internal Combustion Engine Vehicle, apesar de usarem o elemento químico para o acionamento do motor do carro, não são considerados simplesmente automóveis adaptados a esse sistema e não uma inovação ou novo modelo tecnológico.

Em outras palavras, estes carros são veículos normais à combustão, porém adaptáveis por meio de elementos e peças que utilizam o hidrogênio como célula combustível para o acionamento do motor.

Existe um modelo a hidrogênio considerado uma inovação?

toyota mirai recorde

Como bem destacamos lá no início, o carro a hidrogênio não é mais um simples projeto ou ideia futurista que sempre imaginamos nos desenhos dos Jetson.

Em Portugal, por exemplo, foi lançado o Toyota Mirai no início de 2021 e o modelo está à disposição em concessionárias da marca japonesa para quem quiser ver, testar ou mesmo colocar em sua garagem.

O único problema é que ainda não há postos de abastecimento de hidrogênio instalados no país, o que deve ser feito nos próximos anos, conforme projetos do governo local.

E ainda que possa soar um pouco absurdo vender um carro sem ter como “abastecê-lo” por completo, a Toyota explica que é uma questão de tempo e investimento das cidades para tornar isso realidade.

E lembra quando destacamos que o carro a hidrogênio poderia ter uma bateria especial para armazenar a eletricidade gerada no processo químico-físico. Pois bem, no caso deste modelo em especial, o próprio veículo gera sua energia captando o ar poluído da atmosfera.

Quais vantagens práticas desses carros?

Os benefícios e expectativas quanto ao uso dos carros a hidrogênio são diversos e muito variados, inclusive se comparados às vantagens de um veículo elétrico.

Começando, por exemplo, por não precisar deixar o carro carregando por horas preso a uma tomada, já que o tanque de hidrogênio pode ser completo entre dois ou três minutos.

Depois, como bem destacamos, já há modelos que nem se utilizam de baterias, mas sim de componentes elétricos bem mais modernos e menores, o que reduz significativamente a utilização de recursos naturais como o lítio.

Além disso, o carro a hidrogênio não somente deixa de poluir o meio ambiente, como também pode contribuir como uma espécie de filtro inteligente, captando o ar poluído da atmosfera e gerando energia  limpa a partir dele.

Por fim, podemos destacar o desempenho nas pistas, autonomia, potência, baixa manutenção mecânica e motores mais silenciosos, como vantagens e perspectivas desse modelos.

Em resumo, essas são algumas dicas, dados e informações úteis sobre um assunto que já era esperado há muito tempo e que, como bem vimos, parece se tornar uma realidade mais próxima a cada dia. E, ainda que ter um carro a hidrogênio pareça improvável nesses dias por aqui, tal evolução já nos permite um futuro bem mais promissor, inteligente e sustentável para o setor automotivo.

Curtiu? Então, aproveite para compartilhar o post em suas redes sociais e marque amigos, profissionais e empresas relacionadas ao setor também. Até a próxima!

Posts relacionados

Bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos? Isso já existe!

Bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos? Isso já existe!

SVOLT, divisão da GWM, desenvolve bateria de carro elétrico que carrega em 5 minutos e que promete durar mais de…
Dolphin Mini 5 lugares chega ao Brasil por R$119.800

Dolphin Mini 5 lugares chega ao Brasil por R$119.800

BYD confirma a chegada do Dolphin Mini 5 lugares, versão esperada desde o lançamento do elétrico compacto, e com novidade…
Vender Carro em Santo André: Descubra a InstaCarro

Vender Carro em Santo André: Descubra a InstaCarro

Se você quer descobrir a melhor forma de vender carro em Santo André, conheça a InstaCarro e sua solução. Saiba…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *