Compass ou Bronco: qual a melhor opção de SUV médio na casa dos R$ 275 mil
Compass ou Bronco - Compass Limited Diesel e Ford Bronco Sport

Compass ou Bronco: qual a melhor opção de SUV médio na casa dos R$ 275 mil

Na hora de escolher um SUV médio, Compass ou Bronco se tornam opções interessantes pela faixa de preço, mas entregam experiências bem diferentes.

A hora de escolher um carro envolve muitos fatores, desde qual o modelo mais bonito, qual chamará a atenção do vizinho, qual o mais econômico e até quem pensa qual o melhor modelo no mercado automotivo, pensando em uma revenda futura.

cta blog venda seu carro

Quando trazemos este questionamento para uma faixa de mercado na qual as coisas ficam ainda mais acirradas, como no mercado de SUVs médios, qualquer detalhe pode ser crucial para escolher entre um modelo ou outro.

E foi pensando nisso que surgiu o questionamento: por cerca de R$ 275 mil, qual vale mais a pena comprar: Compass ou Bronco?

Trazemos para esta disputa o Jeep Compass Limited 2.0 turbo, com mecânica Diesel e com todos os pacotes de acessórios disponíveis, justamente para aproximá-lo do Ford Bronco Sport 2.0 Wildtrack, com mecânica a gasolina.

Compass ou Bronco - Compass Limited Diesel e Ford Bronco Sport

Difícil a escolha, não é verdade? Mas nas próximas linhas te ajudo a fazer essa escolha.

cta venda seu carro

Compass ou Bronco: Qual o melhor design e interior?

O visual do Bronco é inspirado no seu modelo clássico da década de 60 e começo da década de 70, ou seja, estamos falando em SUV com visual retrô. Começando pela grade, ele tem o nome “Bronco” por extenso, com os faróis em LED compondo um visual inspirado no modelo histórico.

Outra diferença importante está no porte: o Bronco é pouca coisa menor que o Compass em comprimento (18 mm), mas é mais largo (69 mm), mais alto (180 mm), tem maior ângulo central (3º), de entrada (1º) e de saída (4º).

Compass ou Bronco - Compass Limited Diesel e Ford Bronco Sport

Já o Compass também traz farol em LED na dianteira, bons ângulos de entrada, central e de saída, mas tem pneus impróprios para o fora de estrada: as rodas de 19 polegadas são calçadas por pneus de perfil fino 235/45 e voltados para o asfalto. Enquanto isso, o Bronco traz rodas de 17 polegadas e pneus 225/65 de uso misto.

Na traseira, as diferenças também são importantes. No Bronco, temos um sistema interessante onde você pode abrir o vidro individualmente da tampa do porta-malas. Além disso, o Bronco traz um porta-malas 72 litros maior que o do Compass.

Outro ponto interessante está na divisória multiúso, que pode ser utilizada como prateleira, que suporta até 13 kg, como divisório de nichos ou mesmo como uma mesa de pique-nique.

Já no Compass, a parte interessante fica para a abertura elétrica através de um simples “passar de pé” embaixo do para-choque, ideal para quem está com as mãos ocupadas e precisa de praticidade na abertura.

Por dentro, o Bronco aposta em um visual moderno, diferente do exterior retrô. O volante possui acabamento em couro, é multifuncional e possui controles de piloto automático e computador de bordo. O painel é misto, com contadores analógicos nas extremidades e uma tela central para o computador de bordo e sistema de entretenimento. O ar-condicionado é de duas zonas, e os bancos dianteiros possuem aquecimento.

Na traseira, há bom espaço para as pernas e nichos ao melhor estilo necessaire nos encostos dos bancos dianteiros. Há ainda saídas de ar-condicionado e portas USB. O teto solar é menor que o do Compass, mas o sistema de som Bang & Olufsen tem 500 watts a mais.

Já no Compass, o visual é mais luxuoso e há mais materiais macios ao toque, como na parte superior do painel e nos painéis de porta. O cluster também é 100% digital e a central multimídia também é maior, com vantagem de espelhamento de celulares Android e iOS sem a necessidade de fios.

Compass ou Bronco: qual tem o melhor desempenho?

Talvez, o ponto mais importante para responder à pergunta “Compass ou Bronco” esteja na motorização dos carros: é bastante diferente.

O Bronco possui um motor 2.0 EcoBoost a gasolina de 253 cv e 38,7 kgfm de torque, enquanto o Compass tem um motor 2.0 turbo diesel de 170 cv e 35,7 kg de torque. Ambos possuem tração integral 4×4 sob demanda, mas o Bronco usa câmbio automático de 8 marchas, enquanto o Compass aposta na mesma construção, mas com 9 marchas.

Compass ou Bronco - Compass Limited Diesel e Ford Bronco Sport

Na prática, essa diferença interfere bastante na experiência do condutor e dos seus ocupantes. Na cidade e na estrada, o Bronco mostra-se bem mais esperto quando você crava o pé direito. É um SUV que anda muito, ao mesmo tempo em que, se você dosar o pé, é extremamente suave, com trocas de marchas quase imperceptíveis.

O Bronco possui ainda o G.O.A.T Modes, que possui sete modos de condução diferentes para o SUV, sendo 4 deles focados no fora de estrada (Sand, para vias arenosas, Slippery, para trechos escorregadios e os modos extremos Rock Crawl, algo como rastejar sobre pedras, e Mud/Ruts para enfrentar lama e sulcos profundos), e 3 para o uso no asfalto (Normal, Eco e Sport).

Console central do Ford Bronco

O maior problema do Bronco, no entanto, é em estradas asfaltadas e sinuosas. Se a suspensão com calibração macia é uma delícia na cidade, em curvas de alta o carro sofre um pouco e a carroceria rola mais do que você gostaria. Por isso, é preciso pegar leve nestas situações.

Já o Compass oferece a clássica experiência de um SUV diesel: torque imediato, ronco de motor diesel presente e trocas de marchas mais ásperas e presentes. Quem gosta de carro diesel é um prato cheio.

Na cidade, essa experiência em trânsito pesado é algo mais cansativo, pois uma hora o excesso de ruído e aspereza na condução cansam. Mas na estrada a experiência é interessante, principalmente do ponto de vista do consumo. Na cidade, o Compass registrou 11,5 km/l e, na estrada, chegou a 14,2 km/l.

Em comparação com o Bronco a gasolina, por exemplo, ele registrou as médias de 8,6 km/l na cidade e 11,2 km/l na estrada.

Apesar de bem menos potente que o Bronco, o torque do motor diesel do Compass é próximo, portanto em subidas íngremes, por exemplo, o Compass vai tão bem quanto.

Ele perde no conforto de rodagem: tem calibração de suspensão mais firme e faz ele chacoalhar mais e ter batidas secas em vias mal pavimentadas. O pneu de perfil fino colabora bastante para isso.

Em modos de condução, o Compass oferece três modos de condução: Auto, Sand/Mud e Snow. Seria ideal para o fora de estrada, mas mais uma vez os pneus não são próprios para isso.

Alavanca de cambio do Jeep Compass Limited Diesel

Itens de série do Compass Limited e Bronco Sport

O Jeep Compass Limited 2.0 turbo é um SUV muito bem equipado. De série, traz itens como:

Painel do Jeep Compass Limited Diesel
  • 6 airbags;
  • central multimídia de 8,4” com espelhamento sem fio para Android Auto e Apple CarPlay;
  • faróis Full LED;
  • faróis de neblina em LED Jeep Traction Control+;
  • Auto Hold;
  • ar-condicionado dual zone;
  • quadro de instrumentos full digital e HD de 10,25”;
  • teto em preto;
  • rodas de 19” diamantadas;
  • monitoramento de ponto cego;
  • banco elétrico do motorista;
  • airbag de joelho para motorista (sete no total).

No entanto, para chegar ao preço do Ford Bronco Sport que avaliamos, a unidade avaliada contava ainda com todos os pacotes de acessórios disponíveis, como o Pack High Tech (R$ 9.900) e o Teto solar elétrico Command View (R$ 8.900), que incluem:

  • Abertura eletrônica do porta-malas com sensor de presença;
  • Aviso de colisão frontal com frenagem de emergência com detecção de pedestres e ciclistas;
  • Aviso de mudança de faixas;
  • Banco elétrico para o passageiro;
  • Comutação automática de faróis;
  • Detector de fadiga do motorista;
  • Piloto automático adaptativo;
  • Reconhecimento de placas de trânsito;
  • Sistema de som Premium Beats de 506w (8 alto falantes + subwoofer).

Já o Bronco Sport é vendido em versão única, a Wildtrack, e traz como itens de série:

Painel do Ford Bronco
  • Piloto automático adaptativo;
  • assistente de permanência em faixa;
  • leitor de placa de trânsito;
  • sistema de frenagem automática de emergência;
  • pintura bicolor com teto em preto brilhante;
  • farol alto automático;
  • pneus Pirelli Scorpion AT de uso misto;
  • vidro do porta-malas com abertura independente da tampa;
  • mesinha dobrável no porta-malas;
  • nove airbags;
  • alerta de ponto cego;
  • câmera de ré;
  • câmera frontal para uso no off-road;
  • teto solar;
  • sistema de som Bang&Ollufsen com 10 alto-falantes, um subwoofer e 1.000 Watts;
  • acesso remoto ao veículo via celular pelo Ford Pass;
  • ar-condicionado digital de duas zonas com duto para o banco traseiro;
  • bancos com regulagem elétrica, aquecimento e revestidos parcialmente em couro com suede.

Qual vale mais a pena comprar: Compass ou Bronco?

Quando comparamos carro a carro, somente pensando em usabilidade, conforto de rodagem e visual, o Ford Bronco Sport é, sem dúvidas, a melhor opção neste comparativo.

O SUV da Ford é vendido em versão única por R$ 272.790, enquanto o SUV da Jeep, na versão Limited a Diesel parte de R$ 257.890.

Compass ou Bronco - Fernando Naccari

É um valor considerável de diferença para SUVs bem diferentes, mas o Compass sem piloto automático adaptativo, som Beats e teto solar panorâmico se torna um SUV bem comum.

Aí ao agregar estes itens que o deixam bem mais interessante, chega a incríveis R$ 276.690, R$ 3.900 mais caro que o Ford Bronco.

Nessa conta, fica difícil não escolher o Bronco. É um SUV maior, mais bonito, que anda bem mais e é muito bem equipado, de série. De quebra, já tá pronto para a terra/lama.

Mas quando colocamos os dois modelos sob o ponto de vista do mercado, a escolha pelo Compass é mais consciente. SUV médio mais vendido do País, o Compass também desvaloriza menos e a rede de concessionárias Jeep é bem maior que a da Ford.

O custo para as revisões até 60.000 km também é menor, R$ 4.082 no Compass e incríveis R$ 10.324 no Bronco.

Se você quiser o melhor SUV, aquele que você vai dormir pensando no que fazer com ele no dia seguinte, e no outro, e no outro, e no final de semana colocar na terra, ir para o sítio e tudo o mais, o Ford Bronco Sport 2.0 Wildtrack é o SUV certo para você.

Agora, se você gosta de fazer escolhas mais racionais, ponderadas e precisa ter um custo de convivência mais barato (combustível, manutenção, seguro, etc.), além de uma revenda fácil e com menor desvalorização, o Jeep Compass Limited 2.0 turbo é o SUV certo para você.

Galeria de fotos

Fotos: Renan Senra

Posts relacionados

Novo Polo Rock in Rio: VW lança versão especial, confira

Novo Polo Rock in Rio: VW lança versão especial, confira

Em comemoração aos 40 anos do festival Rock in Rio, a Volkswagen lança uma edição especial do Polo Track A…
Lexus ES 300h e NX 350h chegam em 2025 com novidades

Lexus ES 300h e NX 350h chegam em 2025 com novidades

Modelos híbridos da Lexus ES 300h e NX 350h recebem novos equipamentos como sistema de som Mark Levinson e carregador…
Stellantis investe de R$ 3 bilhões no Brasil para produção de carro

Stellantis investe de R$ 3 bilhões no Brasil para produção de carro

Investimento da Stellantis em Porto Real terá foco na plataforma CMP do C3 e C3 AirCross, mas Jeep Avenger pode…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *