Jeep Compass Série S é a melhor versão sem tração 4×4
Jeep Compass 1.3 turbo Série S branco pérola

Jeep Compass Série S é a melhor versão sem tração 4×4

Jeep Compass Série S traz bom desempenho e boa oferta de itens de série, e ajuda modelo a se consolidar no segmento

O Jeep Compass já foi o líder absoluto do segmento de SUVs, mas essa não é mais a realidade do mercado automotivo nacional. Hoje, o líder de mercado é o Volkswagen T-Cross, que emplacou 64.650 unidades no acumulado de 2023 até novembro.

cta blog venda seu carro

Em segundo lugar está o Chevrolet Tracker, com 59.877 unidades emplacadas e, em terceiro, o Hyundai Creta, com 57.240 unidades emplacadas no mesmo período. Aí sim, o quarto colocado da lista é o Jeep Compass, com 55.171 unidades emplacadas.

Essa conta está estranha, não? Pois é, coloquei o Compass no mesmo balaio que os SUVs compactos para te mostrar o tanto que ele vende. Em sua categoria, a de SUVs médios, continua liderando com folga, com o segundo lugar, o Honda HR-V emplacando 43.853 unidades e o terceiro, o Toyota Corolla Cross, emplacando apenas 37.681 unidades.

Mas qual será o segredo do Compass para vender tanto e ser tão querido pelo brasileiro? Te conto isso nas linhas abaixo com a avaliação de uma de suas versões mais interessantes, o Compass Serie S.

melhores suv venda comprar - cta suv

Design do Jeep Compass Série S

Ao longo dos anos no nosso mercado, o Compass tem um design tão bem-resolvido que recebeu apenas modificações pontuais para deixá-lo “mais moderno”. No último facelift os faróis full LED ficaram mais finos e a grade de sete aberturas recebeu novo desenho interno. Os para-choques também foram redesenhados, assim como a região onde os faróis de neblina se alojam.

Jeep Compass 1.3 turbo Série S branco pérola

Nesta versão, a Série S, o Compass tem as bases dos para-choques e contornos dos para-lamas pintados na cor da carroceria, efeito que dá a impressão de que o Compass é maior do que realmente é. Parece mais encorpado.

Outra novidade é a presença de rodas de 19” com acabamento grafite, que reforçam o aspecto mais esportivo desta versão.

Lateral do Jeep Compass 1.3 turbo Série S branco pérola

Atrás as mudanças foram mais discretas, apenas com novo rearranjo interno das lanternas em LED e para os emblemas, todos em grafite.

Traseira do Jeep Compass 1.3 turbo Série S branco pérola

Por dentro, o destaque vai para a qualidade do acabamento, principalmente para o painel que recebeu uma faixa central em couro, mesmo padrão dos bancos. O cluster digital de 10,25” customizável e a central multimídia de 10,1” também se destacam no âmbito da tecnologia.

Jeep Compass 1.3 turbo Série S - interior

No mais, destaques para os detalhes em preto brilhante e alumínio escovado, que realçam o aspecto premium do interior e para o ar-condicionado de duas zonas.

Desempenho do Jeep Compass Série S

O Compass Série S traz, debaixo do capô, o já conhecido motor 1.3 turbo flex que tem até 185 cv a 5.750 rpm e torque máximo de 27,5 kgfm. É daí que vem o emblema na traseira “T270”, relacionado ao torque no motor em Newtons-Metro (Nm).

Jeep Compass 1.3 turbo Série S motor T270

Acoplado a ele está o também já conhecido câmbio automático Aisin de 6 marchas e tração somente dianteira. Com este conjunto, o Compass Série S faz de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos.

quanto vale o seu carro na instacarro

Não é o SUV médio mais rápido do segmento, mas o desempenho não deixa a desejar. O motor sobe de giro rápido e o câmbio automático faz trocas de maneira correta. Se você ativar a função Sport, no entanto, aí sim a percepção é de um SUV completamente diferente.

Volante mais pesado, pedal do acelerador mais sensível e trocas de marchas mais rápidas deixam o Compass quase esportivo. Só não o é devido a suspensão não ter uma calibração voltada para isso. Portanto, curvas de alta devem ser feitas com cuidado, pois o SUV tende a sair de frente.

Por falar em suspensão, os pneus de perfil fino prejudicam um pouco a experiência de rodagem na cidade. Andar em ruas mais esburacadas ou com muitas emendas de asfalto é cansativo.

Do ponto de vista do consumo, no entanto, o modelo surpreendeu. Com etanol no tanque chegou a registrar médias de 7,8 km/l na cidade e 9,2 km/l na estrada.

Itens de Série do Jeep Compass Série S

Jeep Compass 1.3 turbo Série S - interior

O Jeep Compass Série S é a versão mais cara do Compass com mecânica Flex e tração 4×2. Por isso, é muito bem equipado. Ele traz, de série itens como:

  • Teto solar panorâmico;
  • Frenagem autônoma de emergência;
  • Reconhecimento de placas de trânsito;
  • Faróis automáticos;
  • Monitoramento de permanência em faixa;
  • Central multimídia 10,1” Full HD com conectividade Android Auto e Apple CarPlay sem fio;
  • Som Premium Beats de 506 watts de potência, 9 alto-falantes e subwoofer;
  • Detector de fadiga;
  • Piloto automático adaptativo;
  • Park Assist.

Vale a pena comprar o Jeep Compass Série S?

A principal polêmica ligada a essa versão do Jeep Compass é, se sombra de dúvidas, o seu preço. Por cerca de R$ 243 mil, o Compass não é o mais bem equipado de sua categoria, nem o mais tecnológico.

Jeep Compass 1.3 turbo Série S branco pérola

Por menos do que isso, a partir de R$ 214 mil, já dá para levar para casa o Haval H6 HEV que é maior, mais bem equipado e traz tecnologia híbrida. Porém, o Compass é ainda uma escolha segura, já que é um queridinho do mercado e muito procurado entre os seminovos e usados. É, ainda, uma compra mais consciente.

Se você não quer errar e fazer uma escolha segura, o Compass é o carro certo para você. Mas não esqueça, essa versão 4×2 não foi feita para o offroad. Se quiser mais aventuras, precisará partir para as versões diesel TD350.

Ficha Técnica do Novo Jeep Compass Série S

Motor quatro cilindros em linha, 1.3, 16 válvulas, turbo e injeção direta
Cilindrada 1.332 cm3
CombustívelEtanol/gasolina
Potência185 cv (E) / 180 cv (G) a 5.750 rpm
Torque 27,5 kgfm a 1.750 rpm
Câmbio automático convencional de seis marchas
Direção eletroassistida
Suspensões McPherson (dianteira) e multilink (traseira)
Freios discos ventilados (dianteira) e discos sólidos (traseira)
TraçãoDianteira
Dimensões 4.404 mm (comprimento), 1.819 mm (largura), 1.625 mm (altura)
Entre-eixos 2.636 mm
Pneus 235/45 R19
Porta-malas410 litros
Tanque 64 litros
0-100 km/h9,4 segundos
Vel. máxima206 km/h
Consumo cidade (Inmetro)7,2 km/l (E) / 10,2 km/l (G)
Consumo estrada (Inmetro) 10,2 km/l (E) / 11,7 km/l (G)

Galeria de Fotos do Jeep Compass Série S 2023

Posts relacionados

Golpes na compra e venda de carros no Brasil: prejuízo chega a R$ 2,7 bi

Golpes na compra e venda de carros no Brasil: prejuízo chega a R$ 2,7 bi

Os golpes na compra e venda de carros no Brasil ainda estão em alta, confira os modelos mais visados pelos…
Audi A4 e A5 chegam com tração integral quattro e visual renovado

Audi A4 e A5 chegam com tração integral quattro e visual renovado

Audi lança modelos A4 e A5 com preços até R$ 394.990,00 para A5 na versão topo de linha A Audi…
BMW M3 CS chega ao Brasil por mais de R$ 1 milhão e todas unidades vendidas

BMW M3 CS chega ao Brasil por mais de R$ 1 milhão e todas unidades vendidas

Edição limitada e mais potente do BMW M3 CS: apenas 17 unidades disponíveis que já foram vendidas no país. A…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *