Toyota SW4 Diamond aposta na robustez e no visual, mas custa R$ 423 mil
Toyota SW4 Diamond

Toyota SW4 Diamond aposta na robustez e no visual, mas custa R$ 423 mil

Toyota SW4 Diamond reúne o que há de melhor em SUV montado sob chassi: robustez, vocação 4×4 e zero defeitos crônicos. Porém, custa muito para o que oferece.

Tem alguns carros que custam tão caro que é difícil entender o motivo de alguém pagar tanto por um veículo. E um dos modelos que se encaixa perfeitamente na afirmação anterior é o Toyota SW4.

cta blog venda seu carro

SUV 4×4 histórico, reúne uma legião fãs em todo o mundo e, aqui no Brasil, é sinal de status e sucesso financeiro, sem contar que é o sonho de todo motorista: não quebra! Pode pesquisar, não há registros de defeitos crônicos no SUV, nem nele e nem na picape Hilux, da qual ele deriva.

E a fama é tão antiga que, há 20 anos, o programa Top Gear UK fez um experimento para testar a resistênica da Toyota Hilux de 4ª geração (anos 80/90). A picape foi exposta às piores condições possíveis, como bater em uma árvore, ter um trailer derrubado em cima e até ser submersa em água do mar (pior condição possível para um motor e eletrônica de um veículo.

Resultado: depois de Jeremy Clarkson, James May e Richard Hammond tentaram de tudo, até colocar a pobre Hilux sobre um prédio antes de implodi-lo. E o motor dela continou ligando…

Minha missão hoje é te explicar se estes atributos continuam presentes no SW4 e se essa confiabilidade justifica o seu preço: R$ 423 mil nesta versão Diamond.

melhores suv venda comprar

Design do Toyota SW4 Diamond 2024

A versão Diamond é a mais luxuosa da gama SW4 aqui no país, mas não é a de topo. Posicionada abaixo da esportiva GR Sport, herda dela parte do visual, o que deixa o SUV um dos mais bonitos do segmento.

O destaque na frente fica por conta do desenho do farol afilado e com DRL em LED, bem como uma grade um pouco mais estreita, ausência de cromados na dianteira e um para-choque com design esportivo, tudo vindo da versão GR Sport.

Toyota SW4 Diamond

Na lateral, as rodas diamantadas de 18 polegadas e os pneus Bridgestone de todo terreno reforçam a capacidade do carro como um verdadeiro veículo off-road. Outro detalhe importante na versão Diamond é a pintura bicolor, com a cor do teto em preto, repetindo a tonalidade nos retrovisores. Detalhes cromados na lateral adicionam requinte e ao conjunto.

Lateral do Toyota SW4 Diamond

Na traseira, há um spoiler que reforça o caráter mais esportivo, lanternas em LED estreitas com um aplique em preto brilhante, unindo as duas lanternas de forma destacada. Os para-choques têm um recorte que simula uma saída de ar, e o porta-malas conta com abertura elétrica.

Traseira do Toyota SW4 Diamond

Ao abrir, percebemos um espaço de 180 litros quando o modelo está configurado para 7 lugares, mas se rebatermos a última fileira, o volume aumenta para 500 litros.

No interior, é preciso começar falando sobre a ergonomia do veículo. O banco é ajustável eletricamente, permitindo regulagem para frente, para trás e inclinação do enconsto. O volante também é ajustável em altura e profundidade, mas devido à sua característica de construção, ou você vai dirigir com as pernas mais esticadas e longe do volante, ou ficar perto do volante e com as pernas dobradas. O desafio é encontrar um equilíbrio entre alcançar o volante sem forçar a flexão das pernas, evitando cansaço durante a condução.

interior do Toyota SW4 Diamond

Já o acabamento interno merece atenção. Nas portas, no painel e nos bancos, prevalece o uso de plástico, com detalhes em couro legítimo apenas na região de apoio de braços. Na parte interna da porta, encontramos controles para vidros elétricos, travamento, retrovisor elétrico e alto-falantes. Destaque para o sistema de som Premium da JBL, oferecendo uma experiência sonora de qualidade.

Ao explorar os botões no console, deparamo-nos com funcionalidades curiosas, como o botão “idle up”, que funciona como um afogador, acelerando o motor para aquecer o veículo em locais mais frios. No entanto, a presença do botão de ventilação nos bancos dianteiros, sem opção de aquecimento, pode parecer contraditória.

O volante multifuncional oferece comandos para troca manual de marchas, controle de cruzeiro e ajustes do sistema de som. A interface do sistema de entretenimento, com espelhamento de celulares e controles no volante, destaca-se, apesar da resolução inferior da câmera de ré.

Volante multifuncional do Toyota SW4 Diamond

O console central apresenta três modos de condução (Eco, Normal e Sport) e controles para desligar o controle de tração e bloquear o diferencial traseiro. A ausência de teto solar pode ser notada, especialmente considerando o valor elevado do veículo.

O espaço na fileira central é amplo, mas o acesso à terceira fileira pode ser complicado, exigindo manobras desconfortáveis.

Desempenho do Toyota SW4 2024

O SW4 Diamond, assim como as outras versões, vem com um motor turbo diesel de 204 cv e 50,9 kgfm. Isso representa um ganho significativo em relação às versões anteriores à 2021, que tinham 177 cv e 45,9 kgfm usando o mesmo motor 1GD-FTV. A potência aumentada é atribuída a uma reprogramação e recalibração, juntamente com a instalação de uma turbina maior.

Toyota SW4 Diamond

Durante a condução, percebe-se bastante presente a força do conjunto, que é comando por uma transmissão automática de 6 marchas e tração 4×4, que pode ser ativada através de chave seletora no painel.

Especialmente em situações como subidas íngremes, dá para ouvir claramente as “castanhadas” do motor diesel e a turbina enchendo, um prato cheio para os amantes de carros à diesel, como eu.

Com este conjunto, o SW4 acelera forte nas mais variadas situações do dia, como em saídas de semáforo, de pedágios, ou quando você colocá-lo no offroad pesado. Mas como você provavelmente irá usá-lo com maior foco no dia a dia e nas viagens entre cidades, minha avaliação focou nisso.

No modo Eco, o acelerador tem respostas mais lentas e progressivas e o câmbio faz trocas de marchas em rotações mais baixas, tudo para priorizar o consumo. No modo Normal, o carro se torna mais ágil, solto. É o SW4 funcionando perfeitamente equilibrado e, se precisar, basta cravar o pé direito que ele vai acelerar rápido. Já no modo Sport, a diferença na aceleração é ainda mais notável e as trocas de marchas passam a acontecer com rotações mais altas.

Modos de condução do Toyota SW4 Diamond

O conforto de rodagem é um ponto positivo também, apesar de ser um SUV grande montado sobre chassi. A suspensão é tem calibração eficiente, permitindo uma condução suave em estradas mal pavimentadas esem o tradicional chacoalhar que esta configuração costuma propiciar.

Porém, em estradas em curvas acentuadas, é bom prestar atenção, tirar o pé e optar pela segurança. A carroceria rola bastante e, se você exagerar, não tem controle de tração que possa fazer milagres.

Entre os itens de apoio à condução, especialmente um me decepcionou: o piloto automático adaptativo, que não contorna curvas e desliga automaticamente abaixo de 25 km/h. Pelo preço do veículo, esperaria-se um sistema mais avançado nesse aspecto, com função Stop & Go e até o contorno de curvas. Este último, no entanto, torna-se inviável já que o SUV, até hoje, tem direção com assistência hidráulica, e não é elétrica.

Itens de série do SW4 Diamond 2024

Como um veículo topo de linha, o Toyota SW4 Diamond traz como itens de série:

  • 2 entradas USB traseiras (carregamento);
  • 8 alto-falantes, 2 tweeters e 1 subwoofer (Sistema de som JBL®);
  • Abertura elétrica do porta-malas com função de memória para ajuste da altura da tampa;
  • Abertura eletrônica do porta-malas com sensor de presença;
  • Acendimento automático dos faróis;
  • Aerofólio traseiro;
  • Ajuste elétrico de distância, inclinação e altura para os bancos do motorista e passageiro;
  • Ar-condicionado duas zonas integrado frio e quente com display digital;
  • Bancos dianteiros ventilados;
  • Câmera de 360 graus (PVM);
  • Carregador por indução;
  • Computador de bordo com tela de 4,2″ de TFT com funções: autonomia, aviso das portas abertas, consumo médio e instantâneo de combustível, distância a percorrer com combustível no tanque, economia realizada, indicador de modo econômico, hodômetros total e parcial, temperatura externa, tempo de direção, velocidade média do veículo, visualização de áudio;
  • Faróis alto e baixo de LED com nivelamento automático;
  • Faróis com temporizador – Follow Me Home;
  • Faróis de neblina dianteiros;
  • Lanternas traseiras de LED;
  • Maçanetas externas cromadas;
  • Modo de seleção de condução Eco / Power / Sport;
  • Painel de porta com luz de conveniência;
  • Retrovisor externo, luz interna e de ignição acionadas por controle na chave;
  • Retrovisores externos com regulagem elétrica, rebatimento elétrico,indicadores de direção e iluminação de boas-vindas;
  • Retrovisores externos na cor do veículo;
  • Retrovisor interno eletrocrômico;
  • Revestimento dos bancos em Couro e Material Sintético;
  • Saída de ar-condicionado central com difusores no teto e controle de intensidade;
  • Seletor para troca de tração;
  • Sistema multimídia com tela de 8″ sensível ao toque, rádio com MP3, câmera de ré e espelhamento Android Auto® e Apple CarPlay®;
  • Terceira fileira de bancos rebatíveis;
  • Tomada de energia (12V);
  • Vidros elétricos e sistema de abertura e fechamento por um toque com antiesmagamento;
  • Airbags de joelho (um) para o motorista, de cortina (dois), frontais (dois) e laterais (dois);
  • Assistente de descida (DAC);
  • Assistente de pré-colisão (Pre-crash System – PCS) com alerta sonoro e visual e, se necessário, frenagem automática;
  • Assistente de reboque (TSC);
  • Assistente de subida (HAC);
  • Controle adaptativo de velocidade de cruzeiro (ACC);
  • Controle eletrônico de estabilidade do veículo (VSC);
  • Controle eletrônico de tração (A-TRC);
  • Sensores de estacionamento dianteiros (2) e traseiros (4);
  • Sistema auxiliar BAS (sistema de assistência em frenagem de emergência) nas 4 rodas;
  • Sistema auxiliar EBD (distribuição eletrônica de força de frenagem) nas 4 rodas;
  • Sistema de Alerta de Mudança de Faixa (Lane Departure Alert – LDA);
  • Sistema de Alerta de ponto cego (BSM);
  • Sistema de Alerta de tráfego traseiro (RCTA);
  • Sistema universal Isofix para fixação de cadeirinha para crianças no banco traseiro;
  • Trava de segurança do estepe;
  • Trava (porca) de segurança das rodas;
  • Nota máxima de 5 estrelas no Latin NCAP.

Vale a pena comprar o Toyota SW4 Diamond?

Te prometi lá no comecinho do texto te explicar por que alguém pagaria R$ 423.000 por esse carro. Bom, a explicação mais clara para isso seria a sua robustez mesmo e sua vocação offroad. Pelo o que oferece como conjunto, é caro demais e nem mesmo a justificativa de ser um carro importado explica.

Traseira do Toyota SW4 Diamond

Produzido na Argentina e importado para o Brasil, essa transação é isenta de impostos de importação, portanto, seu preço é alto justamente porque tem quem pague por ele. É um carro de nicho e que custa o que custa pela segurança e confiabilidade que carrega, comparável aos compradores que procuram os Land Rover Defender e Mercedes Classe G.

Para você ter ideia, o SW4 vende mais de 1.000 unidades mês há, pelo menos, uma década. Se baixasse o preço venderia mais? Com certeza! Mas popularizaria um status que a marca quer garantir ao seu público fiel.

Ficha técnica do Toyota SW4 Diamond 2024

Motor 4, em linha, longitudinal, turbo e injeção direta
Cilindrada2.755 cm3
Combustíveldiesel
Potência204 cv a 3.400 rpm
Torque50,9 kgfm a 2.800 rpm
CâmbioAutomático de 6 marchas
Direçãohidráulica
SuspensõesBraços sobrepostos (dianteira) e eixo rígido (traseira)
Freiosdiscos ventilados (dianteira e traseira)
TraçãoIntegral temporária
Dimensões4.795 mm (comprimento), 1.855 mm (largura), 1.835 mm (altura)
Entre-eixos2.745 mm
Pneus265/60 R18
Porta-malas500 litros (5 lugares), 180 litros (7 lugares)
Capacidade de carga575 kg
Tanque80 litros
0-100 km/h11,8s
Vel. máxima180 km/h
Consumo cidade (Inmetro)9,8 km/l
Consumo estrada (Inmetro)11,2 km/l
Autonomia urbana estimada784 km
Autonomia rodoviária estimada896 km

Galeria de Fotos do Toyota SW4 Diamond 2024

Posts relacionados

Golpes na compra e venda de carros no Brasil: prejuízo chega a R$ 2,7 bi

Golpes na compra e venda de carros no Brasil: prejuízo chega a R$ 2,7 bi

Os golpes na compra e venda de carros no Brasil ainda estão em alta, confira os modelos mais visados pelos…
Audi A4 e A5 chegam com tração integral quattro e visual renovado

Audi A4 e A5 chegam com tração integral quattro e visual renovado

Audi lança modelos A4 e A5 com preços até R$ 394.990,00 para A5 na versão topo de linha A Audi…
BMW M3 CS chega ao Brasil por mais de R$ 1 milhão e todas unidades vendidas

BMW M3 CS chega ao Brasil por mais de R$ 1 milhão e todas unidades vendidas

Edição limitada e mais potente do BMW M3 CS: apenas 17 unidades disponíveis que já foram vendidas no país. A…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *