5 razões para optar por um carro com câmbio manual
Imagem de homem operando câmbio manual enquanto dirige

5 razões para optar por um carro com câmbio manual

O carro com câmbio automático é um sonho de consumo de muitas pessoas e a boa notícia é que também tem sido cada vez mais comum. Ainda assim, nem sempre ele é a melhor opção. Se você é o tipo de pessoa que anda com apaixonados por carros, então é bem provável que você já tenha ouvido algum debate sobre isso e até mesmo alguma preferência para o câmbio manual.

É isso mesmo: por mais que a tecnologia seja muito boa em alguns sentidos, o modelo manual ainda atrai muitos adeptos e os motivos são muito diversos. Se você ainda está em dúvida em optar por carro com câmbio manual ou automático, veja neste post algumas razões que podem te ajudar a escolher por este modelo. Vamos juntos nessa solucionar as dúvidas sobre câmbio automático ou manual?

cta blog venda seu carro

O que é câmbio manual?

Se você é o tipo de pessoa interessada por carros, então esse assunto já deve ser batido para você (e esse tópico pode ser pouco interessante). Ainda assim, o conceito do que realmente seria esse tipo de câmbio ainda é um pouco confuso para alguns e, para deixar isso para trás de uma vez por todas, nada melhor que uma definição clara. Ainda há um número considerável de pessoas que não sabem como funciona um câmbio manual ou o que é câmbio manual. Afinal, qual câmbio é melhor? Automático ou manual?

O carro que conta com transmissão manual é o modelo que conta com três pedais: freio, acelerador e a embreagem. A grande diferenciação dos modelos automáticos é justamente o último pedal (que não existe nesse tipo de carro). A função dele é ajudar a neutralizar a força do motor sobre o veículo. Essa é uma das maneiras mais eficientes de garantir a troca de marchas de forma leve e sem aqueles “trancos” que são muito inconvenientes.

No caso dos veículos com câmbio manual, como o próprio nome indica, a troca de marchas é realizada pelo condutor. Já o câmbio automático faz a troca das marchas sem envolver nenhum trabalho do motorista, pois tudo acontece automaticamente.

Quais são as vantagens desse modelo?

Agora que fizemos esse alinhamento sobre o câmbio manual, é bem provável que você esteja se perguntando por que deve optar por esse modelo, certo? Veja a seguir alguns motivos bem significativos.

1. Proporciona mais controle ao carro

Algumas pessoas que gostam de dirigir para valer comentam que o câmbio manual é uma ótima oportunidade de sentir que têm o controle do veículo. A sensação esportiva de mudar o câmbio, sentir a diferença de velocidades e ter mais controle do seu carro acaba instigando muitos deles.

Para quem não sabe como funciona, é bom lembrar que o sistema é focado na transmissão de marchas conforme a necessidade de força e leveza do veículo. Isso significa que as mudanças têm como principal função transmitir força, torque e rotação para o carro de forma manual.

Se você é o tipo de motorista que gosta de sentir que tem mais controle sobre o carro, então pode ser que prefira este modelo, pois ele garante tudo isso de forma mais consistente! De toda forma, aumenta de forma considerável pessoas que procuram converter câmbio manual para automático.

2. Tem um preço mais competitivo

Além disso, não podemos deixar de citar outra vantagem: o preço do câmbio manual. Ele é bem mais acessível que os modelos automáticos. Algumas montadoras acrescentam até R$ 5.000 no preço dos veículos com câmbio automático. Impressionante, não é mesmo?

Isso tudo sem contar que o gasto de combustível também pode ser maior no caso dos modelos automáticos. Como o carro precisa de um tempo para entender quando deve trocar a marcha, ele acaba demandando mais combustível — um processo que, por outro lado, é bem simples para quem faz isso manualmente.

É claro que essa não é uma regra, pois algumas pessoas também podem ter muito gasto de combustível com o carro de câmbio manual. Entretanto, o controle está mais fácil e nas mãos do motorista para atingir a economia planejada. Basta estar atento e evitar trocar de marcha com a rotação muito alta.

3. Oferece facilidade de manutenção

Como é uma troca mais simples, é natural que sua manutenção também seja menos complicada. Quem conta com um veículo com câmbio manual normalmente conta com reparos mais rápidos (e o melhor de tudo: com preços mais acessíveis), como realizar a troca de óleo de câmbio manual. Para realizar a troca de forma correta, basta conferir a tabela de óleo de câmbio manual.

Nada mais natural, já que os modelos automáticos são mais robustos e, por conta disso, exigem uma especialização mais aprofundada em vários sentidos. Esse tipo de cuidado representa um custo maior, seja por estar tratando de um tipo de motor mais específico ou por contar com peças mais caras. Por outro lado, como a elaboração dos modelos manuais são mais simples, a troca e manutenção são bem mais fáceis. Tamanha facilidade faz com que realizar a conversão de câmbio manual para automático seja uma ideia para deixar de lado.

4. Tem uma grande oferta de peças de reposição

Como são mais comuns, é natural que o câmbio mecânico também tenha mais peças de reposição à disposição. Esse ponto pode parecer pouco significativo, mas ele faz toda diferença quando seu veículo para de funcionar e necessita da troca de algum componente. Convenhamos: esperar muitos dias para o conserto do carro pode ser simplesmente desesperador!

Portanto, se você é o tipo de pessoa que não gosta (ou não pode) ficar esperando muito tempo para o seu veículo ser arrumado — ou para conseguirem as peças necessárias — então é bom pensar que o câmbio manual pode ser uma boa opção e que automatizar câmbio manual pode não ser uma boa ideia.

5. Proporciona melhor aproveitamento do torque

Essa não é uma regra, mas, quando utilizado corretamente, o motor com câmbio manual pode explorar melhor o torque. Para quem não sabe, ele é a força responsável por fazer com que o motor produza a força motriz (em linguagem popular, o movimento giratório).

Ela é a “peça chave” para fazer com que o veículo se movimente, desde a saída da inércia até conseguir subir em ladeiras muito íngremes. Para quem conta com o câmbio manual, existe a possibilidade de aproveitar um pouco melhor essa força e fazer com que o veículo dê conta dessas atividades com mais facilidade. Modelos de grande sucesso são o Honda Civic câmbio manual e o Fiat Toro câmbio manual. Entre os sedãs, os de mais sucesso são o Corolla câmbio manual e o C4 Pallas câmbio manual.

Agora que você entende um pouco melhor quais são as vantagens de optar por um carro com câmbio manual, não deixe de considerar cada um deles antes de fechar qualquer negócio. Lembre-se que o conhecimento é a melhor forma de garantir uma escolha mais acertada e evitar muito desgaste mais tarde.

E agora, que tal aproveitar que está se informando sobre o assunto e ler nosso post sobre como realizar a venda de carros usados com segurança? Nos encontramos por lá! Até!

Posts relacionados

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat revela o Grand Panda, o sucessor dos modelos Argo e Mobi, inspirado no Citroën C3 A Fiat prepara um…
GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

 O novo SUV GWM Haval H6 chega ao mercado com preço promocional e a autonomia puramente eletrica revelada: 74 km A…
São Paulo irá receber a abertura da nova temporada da Fórmula E

São Paulo irá receber a abertura da nova temporada da Fórmula E

A capital paulista será palco do E-Prix da abertura da temporada 11 da Fórmula E, categoria de elétricos, em 7…

One Comment

  1. luiz carlos pereira da silva

    tenho um HONDA CIVIC EX 98/98 . Estou com problema no meu câmbio automático e gostaria de saber se posso trocar para um câmbio Manual vez que as peças de reposição são mais baratas bem como a mecânica, além do carro ficar mais econômico e com melhor torque.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *