Turbo ou aspirado: como escolher o motor mais adequado para o seu uso
motor turbo ou aspirado

Turbo ou aspirado: como escolher o motor mais adequado para o seu uso

Não sabe se o mais adequado é um carro com motor turbo ou aspirado? Veja as vantagens e desvantagens e avalie qual é a melhor opção para você.

Os motores turbo estão cada dia mais presentes no mercado brasileiro. Inclusive alguns modelos oferecem ao mesmo tempo opções de motores sobrealimentados e aspirados.

cta blog venda seu carro

Antes voltado apenas para o desempenho, o motor turbo acabou se popularizando nos últimos anos por conta principalmente das regras cada vez mais exigentes de emissões de poluentes.

A tecnologia atual de turbocompressores permite a produção de motores de baixa cilindrada e bom desempenho, ao mesmo tempo com um consumo de combustível bem menor quando comparados aos propulsores aspirados com o mesmo nível de potência.

Mas para saber qual opção é a mais interessante para o seu bolso e perfil de uso, vamos falar um pouco sobre as diferenças de cada tipo de motor. Assim você entenderá suas diferenças e qual é a melhor alternativa.

Motor turbo e aspirado

No motor aspirado, a admissão de ar no motor é feita de maneira natural. Dentro do cilindro, esse ar atmosférico é misturado ao combustível e a mistura é inflamada com o uso de uma vela (gasolina/etanol) ou por meio da variação da pressão na câmara de combustão (diesel). Isso resulta em uma sensação de progressão contínua em seu funcionamento.

Já os motores turbo começaram a se popularizar em carros de passeio há pouco tempo. Porém o conceito é bem antigo, tendo sido inventado em 1905 pelo suíço Alfred Büchi. 

O princípio de funcionamento é o mesmo do aspirado. A diferença fica por conta da forma de admissão do ar dentro dos cilindros. Para aumentar a pressão na câmara de combustão, são utilizados um ou mais turbocompressores. Esse equipamento é movimentado pelos gases de escape e forçam a admissão do ar dentro do cilindro a pressões superiores às da atmosfera.

No passado, um característica desses motores era o turbo lag, o atraso entre a pressão no pedal de acelerador e a resposta do motor. Isso era causado pelo tempo necessário para o turbocompressor atingir a rotação ideal e gerar a pressão necessária para o ganho de potência. O que resultava em um rendimento pouco uniforme do veículo.

Mas o avanço na tecnologia de motores e turbocompressores contribuiu para reduzir esse degrau, fazendo com que os propulsores trabalhem dentro da faixa ideal de rendimento muitas vezes já a partir de 1.500 rpm.

Com isso, é possível produzir, por exemplo, motores 1.0 que desenvolvem a mesma potência que um 1.6. Mas o que varia é a entrega dessa potência, já que em um aspirado é preciso abusar mais do acelerador para extrair potência e torque do motor. O que resulta por sua vez em uma perda em termos de consumo de combustível.

Diferenças

Por conta da maior exigência dos componentes do motor turbo, muita gente acredita que eles duram menos do que o motor aspirado. Mas isso hoje é um mito. Um motor sobrealimentado de fábrica é projetado para atender aos mesmos requisitos de durabilidade que um motor de aspiração natural.

Por outro lado, justamente por seus componentes serem mais exigidos em funcionamento, um motor turbo tem uma manutenção mais cara que um aspirado. O que resulta em custos de revisão mais elevados.

No mercado de carros usados, os carros com motor turbo exigem uma análise mais aprofundada do consumidor em termos de manutenção e do uso que o veículo teve, já que é muito comum encontrar esses veículos turbo com propulsores modificados.

Na hora da compra de um carro novo ou de trocar o seu usado por outro, o aspirado ou o turbo são opções igualmente viáveis. O que vai decidir a compra realmente vai ser o tipo de atributos que melhor se enquadram no seu dia a dia.

Posts relacionados

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat Grand Panda: modelo antecipa o sucessor do Argo no Brasil

Fiat revela o Grand Panda, o sucessor dos modelos Argo e Mobi, inspirado no Citroën C3 A Fiat prepara um…
GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

GWM Haval H6 PHEV19 chega ao Brasil por R$ 229 mil

 O novo SUV GWM Haval H6 chega ao mercado com preço promocional e a autonomia puramente eletrica revelada: 74 km A…
São Paulo irá receber a abertura da nova temporada da Fórmula E

São Paulo irá receber a abertura da nova temporada da Fórmula E

A capital paulista será palco do E-Prix da abertura da temporada 11 da Fórmula E, categoria de elétricos, em 7…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *