Seguro do carro por quilômetro rodado vale a pena?
Seguro do carro por quilômetro rodado - homem feliz dirigindo um carro

Seguro do carro por quilômetro rodado vale a pena?

Tem dúvida de como funciona e se vale a pena ter um seguro do carro por quilômetro rodado? Tire aqui suas dúvidas

Nascido nos Estados Unidos, o seguro de carro por quilômetro rodado, como o nome sugere, leva em consideração a quilometragem que o veículo percorre. A alternativa nasceu devido a diferença de uso entre determinados públicos do mercado de carros, como um motorista de aplicativo usa o carro todos os dias ou uma pessoa que trabalha home office e usa raramente. 

cta blog venda seu carro

Nos casos de pouco uso, o seguro do carro por quilômetro rodado se torna vantajoso, já que um carro pouco utilizado acaba por ter suas peças menos desgastadas. Logo, ele é menos sujeito a problemas mecânicos que poderiam levar a sinistros.

Além disso, veículos que ficam mais na garagem do que nas ruas têm menor possibilidade de se envolver em um acidente, assim como de sofrer batidas, roubo e outras questões que levariam ao sinistro.

Como funciona o seguro do carro por quilômetro rodado?

Basicamente, independente do tipo de seguro do carro, as seguradoras avaliam os riscos de sinistro de um carro em todas as situações. Quando o risco é menor do que o normal, como no caso de um carro pouco usado, o custo do sinistro pode ser bem mais barato.

Seguro do carro por quilômetro rodado - homem e mulher felizes dentro de um carro

Em empresas que realizam seguros “normais”, mesmo que o carro não seja muito utilizado, ainda há uma dificuldade por parte das seguradoras para baixar o preço da apólice. É aí que o seguro por quilometragem entra em cena.

Lá nos Estados Unidos, por exemplo, o desconto nesse tipo de negociação está disponível para motoristas que andam menos de 7 mil milhas por ano, o que equivale a pouco mais de 11 mil quilômetros. Para fazer essa medição, as empresas checam os odômetros uma vez por ano, por pelo menos, ou em períodos menores, conforme acordado em contrato.

Há também empresas que usam o sistema Pay-as-you-drive. Nesse método, não se verifica apenas as distâncias percorridas, mas também sua cautela na hora de dirigir. É instalado um dispositivo no carro que consegue fazer diversas medições sobre o seu modo de dirigir, considerando velocidade de cruzeiro e manobras bruscas, por exemplo e, assim, conceder os descontos quando for renovar a apólice.

Alguns motoristas conseguem um desconto de até 30% quando mantêm uma direção cautelosa e a pouca utilização do veículo.

Ainda há a possibilidade de contratação do sistema Pay-per-use, onde o motorista paga pelo que andar, em vez de ter um desconto. De acordo com o perfil do cliente e veículo, o usuário tem um valor fixo mensal baixo e, conforme a quilometragem que percorrer, haverá um acréscimo pelo trecho percorrido.

Seguro do carro por quilômetro rodado - mulher dirigindo um carro em dia frio usando GPS do celular como guia

Coberturas do seguro do carro por quilômetro rodado

Assim como um seguro comum, o seguro por quilometragem oferece cobertura para perda parcial e ou perda integral do carro. A perda parcial ocorre quando os danos ao veículo correspondem a, no máximo, 75% do valor do carro. Nesse caso, segurado e seguradora dividem o custo do reparo.

Já a perda integral acontece quando os danos ao carro correspondem a mais de 75% do seu valor de mercado. Nessa situação, o usuário recebe a indenização integral do seguro. Este valor tem como objetivo garantir a compra de um novo carro.

A indenização integral também é paga em caso de furto e roubo, quando o veículo não é recuperado pela polícia.

Como é feita a cobrança?

Na empresa Youse, quando você faz a contratação do seguro por quilometragem, já fica sabendo na hora qual o valor fixo e o valor do quilômetro rodado (parte variável). O valor fixo é definido pelo plano selecionado de coberturas e assistências. Já a parte variável é a que muda de acordo com a quilometragem rodada no período.

O valor da mensalidade é calculado por ciclos, que fecham sempre no mesmo dia, todo mês, como se fosse uma fatura de cartão de crédito. Ou seja, todo mês, a quilometragem do seu seguro é zerada e começa um novo ciclo.

Antes do fechamento de cada ciclo, você envia a quilometragem total atualizada do seu carro pelo app da Youse. Depois disso, a empresa fecha a fatura do ciclo e encaminha para o segurado via e-mail. A cobrança é feita automaticamente no cartão de crédito cadastrado no aplicativo.

Posts relacionados

Novo Nissan Sentra 2025 chega ao Brasil, veja preço e equipamentos

Novo Nissan Sentra 2025 chega ao Brasil, veja preço e equipamentos

O novo Nissan Sentra 2025 foi lançado em duas versões, sendo a opção de entrada Advance com o preço inicial…
Conhecendo a coleção de carros de Pedro Pascal

Conhecendo a coleção de carros de Pedro Pascal

Que tal conhecer um pouco da garagem do astro de Hollywood chileno Pedro Pascal? Pedro Pascal, aclamado ator chileno, não…
Chuvas no RS causam R$ 1,3 bilhão em indenizações para seguradoras

Chuvas no RS causam R$ 1,3 bilhão em indenizações para seguradoras

Levantamento Confederação Nacional das Seguradoras mostra que por causa das chuvas no RS, o maior valor já pago no setor…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *