O motor de arranque parou? Como evitar que isso se repita
Mulher olhando para o motor de um carro com defeito - motor de arranque

O motor de arranque parou? Como evitar que isso se repita

Se seu carro não está ligando, o problema pode estar no motor de arranque. Veja como identificar e evitar que isto aconteça.

Está sem tempo para ler agora? Agora você pode ouvir este artigo! Basta o play abaixo ou fazer o download para ouvir offline!

cta blog venda seu carro

Já passou pela situação desconfortável de tentar dar partida no veículo, mas o mesmo não ligar? Pois é, isso pode indicar que o motor de arranque está com defeito e parou de funcionar.

Também chamado de motor de partida, esse componente é essencial para o funcionamento do seu veículo. Ele é o responsável por impulsionar o motor a combustão a sair do seu estado de inércia e iniciar o movimento.

motor de arranque
Foto: Christopher Ziemnowicz

Entretanto, muitos motoristas não sabem que é possível aumentar a vida útil deste componente e não dão a devida atenção e cuidados à peça.

Acompanhe o artigo para entender melhor como o motor de arranque funciona, os sinais que indicam que a peça está com problemas e como cuidar bem deste componente.

Como funciona o motor de arranque?

O motor de arranque está posicionado entre o volante do motor e a caixa de câmbio, e é conectado à bateria. Ao acionar a chave na ignição, é um campo magnético que faz com que a bobina e o induzido comecem a se movimentar. 

componentes do motor de arranque
Foto: Willdre

Em seguida, o solenóide (ou chave magnética), quando energizado, pressiona a mola de engrenamento e o pinhão (também chamado de bendix). Esse por sua vez já está girando, se conecta à cremalheira do volante do motor, que também começa virar. Assim, o motor principal começa a se movimentar, dando seus primeiros giros.

Quando acontece a primeira combustão, o motor de partida para de funcionar e seu trabalho está cumprido. Ao todo, este processo leva, em média, 3 segundos.

Esse sistema elétrico de partida foi inventado há pouco mais de 100 anos, nos Estados Unidos, em carros Cadillac. Antes disso, o arranque era feito de forma manual com uma manivela. Essa peça ficava posicionada na parte frontal do veículo e era pesada, exigindo muita força para fazer com que ela girasse.

Quais sinais que o motor de arranque está com problemas?

Antes que o motor de partida falhe, é possível identificar alguns sinais que ele está com problemas. Fique atento se o seu carro apresenta alguns dele, como:

1. Estalos durante a ignição

Se o motor a combustão não ativar após o escutar os estalos, o defeito pode estar na chave magnética. Neste caso, o campo magnético é produzido, mas o solenóide não está conseguindo mantê-lo.

2. Ruídos que indicam o acionamento do motor elétrico, mas o motor a combustão não liga

Neste caso, o pinhão não consegue encaixar no volante do motor e fica girando sozinho. Esta situação pode acontecer porque a peça está desgastada ou a chave magnética não está acionando a mola para que o pinhão se encaixe à cremalheira.

3. Partida demorada

Este problema pode indicar que as escovas estão gastas. Esse componente é responsável pela condução de energia para o induzido. São feitas de carvão e, quando estão desgastadas, a partida fica mais demorada.

O induzido desgastado ou pinhão preso a cremalheira também deixam a partida mais longa.

4. O carro não liga

Se, ao girar a chave, não houver nenhum barulho ou sinal de atividade, é muito provável que o todo o motor de arranque esteja comprometido e sua troca seja necessária.

Bateria descarregada ou com mau contato da fiação  também são causas para o carro não ligar. Neste caso, não é possível transmitir a corrente elétrica para o motor de arranque.

Caso você perceba algum desses sintomas, agende uma revisão com seu mecânico de confiança com rapidez.

Como evitar que o motor de arranque te deixe na mão?

O uso correto do motor de arranque evita que o mesmo estrague e ainda prolonga sua vida útil. Por isso, tome alguns cuidados essenciais.

motor de partida Delco Remy
Foto: Motor de Partida Delco Remy – Divulgação

Nunca gire a chave na ignição após o carro já estiver em funcionamento. Essa prática faz com que o pinhão tente se encaixar na cremalheira novamente, que já está em movimento. Com isso, desgastamos e, até mesmo, danificamos a peça. Outro risco é poder gerar impactos na sua carcaça e ainda afetar outros componentes do motor.

Tentar acionar o motor por mais de 10 segundos ou fazer várias tentativas seguidas também é muito prejudicial para o motor.

Caso isso aconteça, aguarde cerca de dois minutos entre os giros da chave. O esforço contínuo pode superaquecer as peças e queimar os componentes elétricos.

Além disso, não deixe de realizar manutenções preventivas no seu veículo. As fabricantes indicam no manual de cada carro o intervalo de quilometragem adequado para realizar as manutenções, geralmente a cada 10.000km. Caso não atinja a quilometragem recomendada, vá ao mecânico pelo menos duas vezes ao ano.

Como fazer um teste no motor de arranque?

Existem vários outros motivos para que o seu carro esteja com problemas ao dar partida. Além de problemas com o motor de arranque, também existem outros como: filtro de combustível danificado, falhas no sistema de ignição, calço hidráulico, entre outros.

Mas, se você suspeita que o motor de arranque do seu carro está com problemas, peça para seu mecânico fazer um teste nos componentes a fim de verificar se o defeito está mesmo nesta peça.

  1. Verifique se a bateria está descarregada ou se está com tensão correta de 12v. Analise a condição dos fios e se há algum mal contato;
  2. Meça o isolamento da bobina de campo;
  3. Faça testes elétricos para testar a chave magnética;
  4. Analise se as escovas estão em boas condições;
  5. Veja se o pinhão está com marcas de desgastes e deformidades.
  6. Verifique se há superaquecimento dos componentes;

E lembre-se, se precisar substituir qualquer componente do carro, priorize peças originais. Acessórios paralelos podem causar prejuízos se forem feitos de materiais de baixa qualidade ou não se encaixarem de forma correta.

Entender como funciona o sistema de arranque do seu carro faz muita diferença para conseguir identificar se os barulhos e falhas são mesmo sinais de defeito neste motor. Desta forma, você pode recorrer ao seu mecânico de confiança a tempo antes que seja tarde demais.

Agora que você entendeu a importância do motor de arranque, compartilhe este artigo com amigos que estão tendo problemas na hora de ligar o carro.

E quer vender seu automóvel de forma rápida, segura e sem burocracias? Então faça uma avaliação com a InstaCarro e complete sua venda em até 24 horas.

Posts relacionados

Os carros mais roubados de São Paulo, veja o ranking

Os carros mais roubados de São Paulo, veja o ranking

Índice de roubos e furtos caí em 11% no primeiro trimestre de 2024, Fiat Strada entra no ranking dos carros…
Novo Nissan Sentra 2025 chega ao Brasil, veja preço e equipamentos

Novo Nissan Sentra 2025 chega ao Brasil, veja preço e equipamentos

O novo Nissan Sentra 2025 foi lançado em duas versões, sendo a opção de entrada Advance com o preço inicial…
Conhecendo a coleção de carros de Pedro Pascal

Conhecendo a coleção de carros de Pedro Pascal

Que tal conhecer um pouco da garagem do astro de Hollywood chileno Pedro Pascal? Pedro Pascal, aclamado ator chileno, não…

6 Comments

  1. ALBERTA MARIA DA SILVA BRAGA SILVEIRA

    Meu carro fica assim

  2. Fábio Batista Abreu

    Muito boa a explicação , sobre o motor de e arranque.

  3. TAMIRES MIRANDA

    Muito boa a explicação! Obrigada por compartilhar seu conhecimento

  4. Benedito

    Muito bom sua explicação obrigado

  5. Joanito Celestino de Menezes

    Alguém pode me ajudar?
    Meu nome é Joanito.
    Então,eu estou passando um por um problema com o meu polo 2003 1.6 . No primeiro momento do dia que saio cm ele,pega normal mas se a viagem durar uns 15 minutos e diante e houver paradas tendo que desligar o carro ,o mesmo não pega mais , o motor de arranque tem que esfriar,me fazendo perder no mínimo entre uma a duas horas,aí o carro volta a pegar….Minha dúvida é; será mesmo o motor de arranque?
    Obrigado

    1. Fernando Naccari

      Olá, Joanito. Tudo bem?
      Bom, se nestas tentativas de dar partida o motor nem vira, nem ameaça de pegar, como se você virasse a chave e nada acontecesse, muito provável ser um problema no motor de partida mesmo. Mas se o motor ficar rodando, ameaçando de pegar e nada acontecer, é bom conferir outros componentes do sistema de ignição/alimentação de combustível. De qualquer forma, é difícil diagnosticar à distância, somente um profissional qualificado para identificar a falha com maior precisão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *